RONDÔNIA

Confira concursos abertos com vagas para Rondônia, Acre e Amazonas

Vários órgãos em todo o país estão com inscrições abertas para concurso público. Em Rondônia, a Câmara de Novo Horizonte e a prefeitura de Jaru oferecem 37 vagas. No Acre, o Ministério Público Federal oferta duas vagas para estagiários. Já no Amazonas, são 13 vagas para o Exército Brasileiro e a Universidade Federal do Amazonas (UFAM). Em nível nacional, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística disponibiliza 7.500 vagas. No total, existem 7.569 vagas abertas.


Novo Horizonte

A Câmara de Vereadores do município está com uma vaga aberta no cargo de contador. O salário é de R$ 1,6 mil, com jornada de trabalho de 20 horas semanais. É exigido formação de nível superior em ciências contábeis e registro no conselho profissional. As inscrições seguem até 18 de julho, pelo site da organizadora www.institutoexatus.com e com o pagamento da taxa de R$ 80. Haverá provas escrita e de títulos, na data prevista de 31 de julho. O concurso tem validade de dois anos, podendo ser prorrogada por igual período.

Jaru

São ofertadas 36 vagas para a Secretaria Municipal de Saúde. As oportunidades são para os cargos de médicos clínico geral (20), obstetra (6), pediatra (2), anestesiologista (1), radiologista (1), psiquiatra (1), ultrasonografista (1), cardiologista (1), neurologista (1), ortopedista (2). A jornada de trabalho varia de 20 horas ou 40 horas semanais. Os salários variam de R$ 3.092,04 a R$ 5.911,24, acrescido de insalubridade e gratificações. As inscrições devem ser feitas até o dia 6 de julho, no gabinete do secretário de saúde, localizado na Avenida Florianópolis, nº 3062. O atendimento é das 8 horas às 13 horas. A seleção será feita por análise curricular. Mais informações podem ser obtidas no site www.jaru.ro.gov.br/


Exército Brasileiro (AM)

O 1º Batalhão de Infantaria de Selva do Exército Brasileiro, localizado no estado do Amazonas está com inscrições abertas para contratar um professor e um monitor de educação física, para apoiarem o Programa Força no Esporte (Profesp). São duas vagas no total. As inscrições devem ser realizadas até o dia 8 de julho.

UFAM (AM)

A Fundação Universidade Federal do Amazonas está com 11 vagas abertas para contratar professores auxiliar, assistente e auxiliare. As inscrições podem ser feitas até 27 de julho para professor auxiliar e até 21 de julho para as demais áreas. Para a classe auxiliar. Há vagas para profissionais com especialização em nefrologia, imunologia e micologia, cirurgia plástica reparadora, neurologia, genética/citogenômica, letras-literatura brasileira, literatura portuguesa, outras literaturas vernáculas, literatura comparada, economia, fisiologia do exercício; fisioterapia geral, química geral, química inorgânica e disciplinas do eixo pedagógico, farmacologia; bioquímica. A remuneração varia de R$ 2.814,01 a R$ 8.639,50. As inscrições devem ser realizadas nas secretarias das unidades acadêmicas cujos endereços estão discriminados no edital. O atendimento acontece das 9 horas às 11 horas e das 14 horas às 17 horas. Serão realizadas provas escrita, didática e de títulos. O concurso tem validade por um ano, podendo ser prorrogado por igual período a critério da administração.

Acre

O Ministério Público Federal do Acre reabriu as inscrições do processo seletivo para contratar estagiários. Os estudantes interessados em participar devem se inscrever até 10 de julho, no endereço eletrônico www.prac.mpf.mp.br. Após preencher a ficha é necessário imprimir e levar junto com os documentos comprobatórios na sede da PR, cujo endereço encontra-se discriminado no edital. Há vagas para estudantes dos cursos de administração, contabilidade, economia, direito, letras - português, sistemas de informação e comunicação social/jornalismo. Serão realizadas provas objetiva e discursiva, ambas de caráter eliminatório e classificatório. Os contratados devem cumprir jornada de 20 horas semanais, e vão receber bolsa no valor de R$ 850, acrescida ainda de auxílio transporte de R$ 7,00.


Crefito

O Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional da 12ª Região (Crefito-12) abriu concurso para contratar profissionais de nível fundamental, médio e superior. As vagas são para os cargos de serviços gerais (1), telefonista, auxiliar de arquivo (1), motorista, recepcionista, assistente administrativo (7), fiscal de fisioterapia (3), fiscal de terapia ocupacional (1), advogado (1), contador (1), administrador (1), jornalista (1). A jornada de trabalho é de 30 horas semanais. Os salários variam de R$ 965,87 a R$ 2.855,72, acrescido de benefícios como vale refeição no valor de R$ 660, plano de saúde e vale transporte. As inscrições seguem até 25 de julho, mediante preenchimento da ficha disponível no site da empresa organizadora www.paconcursos.com.br. Haverá provas escritas objetivas e de títulos. As avaliações vão acontecer em cinco polos, nas seguintes cidades: Belém (PA), Boa Vista (RR), Macapá (AP), Manaus (AM) e Palmas (TO), sendo que a primeira etapa aconteça 11 de setembro de 2016.

IBGE

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) está com inscrições abertas para contratar temporariamente até 7.500 profissionais para a função de agente de pesquisas e mapeamento. Os selecionados devem atuar em 550 municípios distribuídos nos 26 estados brasileiros e no Distrito Federal, em jornadas de 40 horas semanais. O salário é de R$ 1.250,00, acrescido ainda de auxílio alimentação e transporte. É exigido ensino fundamental completo. As inscrições devem ser realizadas até 19 de julho no site da empresa organizadora www.cesgranrio.org.br. A taxa de inscrição é de R$ 30. Haverá prova objetiva, possivelmente no dia 4 de setembro de 2016. O concurso tem validade de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período a critério do IBGE.

Tags noticias de cacoal, cacoal ro, cacoal rondonia, notícias de cacoal hoje, cacoal urgente, cacoal noticias policial, jornal de cacoal, notícias de cacoal rondônia, gente de opinião, canal cacoal, prefeitura de cacoal, cacoal rondônia, cine, ifroro, tj de ro, empregos, sine nacional, tem empregos, cine estadual, vagas rondônia, sine de cacoal, sine estadual, sine rondonia, sine cacoal, vagas do sine, cine empregos, sine ariquemes, emprego no sine, emprego no sine, sine ariquemes ro, sine de ariquemes, diario da justiça ro, empregos rondonia, sine ariquemes hoje, ariquemes rondonia, empregos ariquemes, emprego em rondonia, vagas no sine para hoje, empregos em rondonia, concursos em rondonia, procapacitar é confiavel, emprego em ariquemes, concurso prf 1500 vagas, empregos em ariquemes, agencia de emprego sine, rondonia ao vivo empregos, vagas limitadas carimbo png, vagas de emprego ariquemes, carteira de habilitação de graça, vagas de emprego em rondônia, emprego primavera de rondônia, emprego e desemprego no brasil, vagas de emprego em ariquemes, sine sistema nacional de emprego, vagas de emprego em ariquemes ro, agencia de empregos em ariquemes, vagas de emprego sine ariquemes ro, sine agencia de emprego ariquemes.

ASSISTA AO VIVO Velório coletivo da Chapecoense direto de Chapecó na Arena Condá no Brasil

Caixões dos atletas da Chapecoense, em Medellin na Colômbia, Velório terá mil jornalistas, estoque de flores e carros funerários de fora.

O velório das vítimas do acidente aéreo na Colômbia vai parar Chapecó. A cerimônia fúnebre será a maior operação da história da cidade e terá grandes proporções.  Corpos das vítimas da Chapecoense começam a chegar na manhã de sábado; cortejo terá uma vítima em cada carro.

Corpos das vítimas da Chapecoense começam a chegar para o velório coletivo no Brasil

Cerca de mil jornalistas de todas as partes do mundo estão credenciados para fazer a cobertura e personalidades como o presidente da República Michel Temer e o presidente da Fifa, Gianni Infantino, são esperadas. A cidade também já está toda mobilizada e se prepara para que não faltem flores e até carros funerários, que devem vir de outras localidades.


ASSISTA AO VIVO A CHEGADA DOS CORPOS DA EQUIPE DO CHAPECOENSE 



Corpos das vítimas da Chapecoense começam a chegar para o velório coletivo no Brasil

A comoção em Chapecó é tão grande que são esperadas cerca de 100 mil pessoas nos arredores da Arena Condá na manhã de sábado, o que representa mais da metade da população local. Cerca de 20 mil terão acesso à parte interna do estádio. Apenas para a cobertura do evento, mais de 900 jornalistas já estão credenciados. E o número deve chegar a mil até o fim de semana. Eles vêm de todas as partes do mundo e representam 14 países como China, Arábia, França, Espanha, México e Argentina.

acidente time, chapecoense, tragédia chapecoense, zagueiro neto, avião do chapecoense, colômbia, chapecoense ao vivo, lista de jogadores, chapecoense hoje, chapecoense globo, chapecoense wikipedia, associação chapecoense, arena condá, chapecoense escalação, chapecoense sulamericana, caixões chapecoense

Além das emissoras locais e dos principais veículos do Brasil, já estão em Chapecó profissionais que estão trabalhando para a CNN, Al Jazeera, Rádio Caracol da Colômbia, jornais argentinos, além das principais agências de notícias internacionais.

Prova da proporção da fatalidade é que personalidades mundiais devem estar presentes no sábado. O presidente da Fifa, Gianni Infantino, confirmou a sua vinda. O técnico da seleção brasileira Tite também deve participar da cerimônia.  Há ainda a expectativa de que o presidente da República Michel Temer e o presidente da Colômbia Juan Manuel Santos compareçam.

Saiba como será o velório coletivo das vítimas em Chapecó

Na cidade, os serviços funerários já estão trabalhando em esquema de força tarefa. A funerária Stumer, por exemplo, não tem veículos suficientes para atender a toda a demanda das seguradoras que precisam de carros para levarem os corpos do estádio ao cemitério. Por isso, vai pedir reforço nas localidades próximas. "Nós temos sete carros. Para atender a todos, seriam necessários cerca de 30. Estamos pedindo de outras áreas", conta a assistente social do local, Suzi Stumer.

Saiba como será o velório coletivo das vítimas em Chapecó

Outras preocupações são com as flores para que sejam confeccionadas todas as coroas que são feitas em três tamanhos: P, M e G. As mais pedidas são flores do campo, lírios e rosas. "Estão faltando flores. Estamos em contato com os nossos floristas. A demanda está 50 vezes maior", disse Suzi.

A Floricultura Aquarela ainda tem uma boa reserva de flores por conta de seus fornecedores, mas a proprietária está preocupada com a demanda excessiva. Josélia Fim disse que foram pedidos dezenas de orçamentos na última quinta-feira e a casa tem estrutura para confeccionar apenas oito coroas em um dia.

Saiba como será o velório coletivo das vítimas em Chapecó

Na cidade, para dar conta de toda a operação, foi criado um Comitê de Trabalho em uma parceria da Chapecoense com a prefeitura municipal e o governo do Estado. Cerca de mil profissionais das Polícias Militar, Civil e Federal, Corpo de Bombeiros, Exército, Guarda Municipal e Força Nacional estarão trabalhando para garantir o bom andamento do cortejo e a segurança da população e de todos os envolvidos no velório.

"É uma das maiores operações da cidade. Serão 20 mil pessoas dentro do estádio e 100 mil no total. Teremos telões na área externa para as pessoas acompanharem. É muito doloroso, mas Chapecó vai dar conta, vamos conseguir nos reerguer", conta o vice-prefeito eleito da cidade, Elio Francisco Cella que tem participado das reuniões.

Cortejo e velório

Os últimos dias têm sido de encontros constantes para organizar toda a parte logística do cortejo e do velório. Os corpos vão chegar na cidade entre 0h e 6h de sábado. A expectativa é que o presidente Michel Temer esteja presente no aeroporto para realizar um ato cívico e diplomático de recebimento dos corpos.


Em seguida, os corpos sairão em três caminhões abertos e plotados com homenagens da Chapecoense e farão um cortejo pela cidade. Já foram estudadas três rotas que podem ser seguidas para que mais pessoas da cidade possam acompanhar o cortejo.

Na Arena Condá, os caixões ficarão enfileirados embaixo de tendas. Apenas os parentes mais próximos poderão ficar no local e serão identificados com uma credencial. A ideia é que por 45 min o acesso seja restrito para que os entes queridos tenham privacidade.

Saiba como será o velório coletivo das vítimas em Chapecó

A cerimônia não deve demorar muito mais que 2h. A expectativa é que 51 corpos sejam velados na Arena Condá antes de serem enterrados na cidade ou levados a outras localidades. Algumas famílias já confirmaram que os corpos irão direto para suas cidades de origem. É o caso do técnico Caio Júnior e dos jornalistas da TV Globo e do Fox Sports.

acidente time, chapecoense, tragédia chapecoense, zagueiro neto, avião do chapecoense, colômbia, chapecoense ao vivo, lista de jogadores, chapecoense hoje, chapecoense globo, chapecoense wikipedia, associação chapecoense, arena condá, chapecoense escalação, chapecoense sulamericana, caixões chapecoense

Tópicos acidente time, chapecoense, tragédia chapecoense, zagueiro neto, avião do chapecoense, colômbia, chapecoense ao vivo, lista de jogadores, chapecoense hoje, chapecoense globo, chapecoense wikipedia, associação chapecoense, arena condá, chapecoense escalação, chapecoense sulamericana, caixões chapecoense.

Bruno Freitas, Danilo Lavieri e Luiza Oliveira
Do UOL, em Chapecó-SC

Fifa decide que todos os jogos do mundo neste fim de semana terão um minuto de silêncio

Entidade adotou a medida em homenagem às vítimas da tragédia envolvendo a delegação da Chapecoense, que viajava para Medellín.

O mundo futebolístico se mobiliza e presta homenagens à Chapecoense. A Fifa anunciou, através do Twitter, que tomou a decisão de implantar um minuto de silêncio – em respeito às vítimas da tragédia de Antioquia – antes de todas as partidas do mundo neste final de semana.Além disso, a entidade máxima do futebol mundial requisitou que todos os jogadores atuem com uma faixa preta em um dos braços, como forma de luto pelo episódio. 

Fifa decide que todos os jogos do mundo neste fim de semana terão um minuto de silêncio

O presidente da Fifa, Gianni Infantino, deve ir para Chapecó para participar da cerimônia de homenagem do clube aos falecidos na tragédia.Muitos clubes do Brasil e do mundo já demonstraram que estariam dispostos a ceder jogadores de forma gratuita para a Chapecoense, para ajudar o clube a se reerguer. Além disso, existe uma iniciativa para que o clube catarinense seja impedido de ser rebaixado pelos próximos três anos.

Da Redação
Esporte Interativo

Alberto Valentim pede demissão do Palmeiras e Eduardo Baptista pode ser o novo técnico do verdão

Após o técnico Cuca afirmar que deixará o Palmeiras, mais um membro da comissão técnica anunciou que está deixando o Verdão. No clube desde 2014, o auxiliar técnico Alberto Valentim pediu demissão do Alviverde na noite desta quinta-feira (1º). A informação foi confirmada pelo próprio profissional ao Esporte Interativo.“Pedi hoje minha demissão do Palmeiras. Ainda não tenho um futuro definido. Recebi algumas sondagens, mas não tenho nada certo. Não posso falar sobre outros nomes ou relação com a minha saída. Só posso falar que hoje pedi demissão do Palmeiras”.


O motivo da saída do auxiliar, segundo a apuração da reportagem, é uma sondagem para ser técnico do Red Bull Brasil. Diante disso, o auxiliar comunicou a diretoria que deixaria seu cargo caso não fosse efetivado no Palmeiras. Como recebeu uma negativa, pediu demissão e deve acertar com a equipe de Campinas, enquanto o Verdão deve contratar Eduardo Baptista ainda nesta sexta-feira (02).Diante do interesse do Palmeiras em Eduardo Baptista, que pode ser anunciado como técnico já nesta sexta-feira (02), a Ponte Preta convocou uma entrevista coletiva com o treinador e o presidente Vanderlei Pereira para as 10h (horário de Brasília).

Cesar Greco
Agência Palmeiras

Cirurgia é realizada com sucesso, e Jackson Follmann não vai precisar amputar a outra perna

Hospital divulgou nota explicando a situação do goleiro, um dos poucos sobreviventes do trágico acidente aéreo com o voo da Chapecoense

O goleiro da Chapecoense, Jackson Follmann, que amputou a perna direita após o acidente da última terça-feira (29), envolvendo o voo da Chapecoense, passou por nova cirurgia nesta quinta (1°), onde tinha o risco da amputação da sua outra perna.Mas, em ofício divulgado pelo hospital San Vicente Fundación, Follmann não terá que passar pelo procedimento, uma vez que a operação foi realizada com completo sucesso. Reserva de Danilo, um dos falecidos no acidente aéreo, o jogador, que tem 24 anos, tinha planos de ser titular da equipe em 2017.Confira a nota na íntegra (tradução livre):

Hospital confirma amputamento de perna de Jackson Follman que segue na U.T.I

“Às 17h30, o Hospital San Vicente Fundación de Rionegro informa que no dia de hoje, o paciente Jackson Follmann foi submetido a uma cirurgia por nosso grupo de especialistas.Durante a cirurgia ficou evidenciado que a amputação da perna direita ficou em estado adequado. Já no membro inferior esquerdo, as lesões evoluíram de forma adequada, de tal forma que não precisou ser amputada.O paciente continua em estrito estado de vigilância por parte da nossa Unidade de Cuidados Intensivos”.

Da Redação 
Cacoal NEWS

Medellín faz reverência histórica e inesquecível à Chapecoense em noite de homenagens na Colômbia REVEJA NA ÍNTEGRA

Vamos, vamos Chape. O som ecoou forte no Estádio Atanazio Girardot, em Medellín, na Colombia. Eram 44 mil vozes, antes da cerimônia começar, dando uma lição ao mundo de que, definitivamente, "não é só futebol". Tudo para homenagear a Chapecoense, que no estádio, nesta quarta-feira, estaria jogando a primeira partida da final da Copa Sul-Americana. A tragédia, 71 mortos em um acidente aéreo, um time, uma cidade e um país devastado, ainda deixa a todos perplexos, e neste clima, Medellín mostra ao mundo que pode haver irmandade entre os povos.


Solidariedade que teve momentos intensos nas homenagens da tarde/noite colombiana. A arquibancada vestida de branco, tinha faixas, como uma com a palavra: "Imortais". Outra, lembrava: "Uma nova família nasce", e mais, dizendo "futebol não tem fronteiras". As camisas tinham dizeres: "Vieram para ser campeões, voltaram como lendas". Assim Medellin fez uma reverência histórica e inesquecível à Chapecoense, ao Brasil, a Santa Catarina, a Chapecó.



No campo, coroas de flores entraram, a banda marcial tocou os hinos nacionais e a marcha fúnebre, com respeito completo do público. Muito antes, às 16h45min na Colômbia (19h45min de Brasília) foram abertos os portões do estádio Atanásio Girardot para o público. Neste momento, a multidão de crianças, jovens, famílias e torcedores que começaram a entrar e visualizaram faixas com os dizeres: "Nasce uma nova família, Atlético + Chapecoense"

Todos de branco, muitos com velas, outros com flores, muitos com camisas alusivas à Chapecoense. Nos dizeres: "Vieram por um sonho, voltaram como lendas". A emoção, presente em todos. A reportagem do DC falou com Nicole Mariana, 15 anos, que carregava rosas vermelhas:

Sinto um vazio, algo que nunca pensei ver no nosso estádio de alegria — disse, antes de começar a chorar.

Bruno Alencastro
Agência RBS


Velório coletivo deve durar 4 horas com pelo menos 51 corpos das vítimas em Chapecó

Apenas familiares e amigos devem passar em frente às urnas, na sexta (2). Torcedores devem ficar nas arquibancadas; telões estarão fora do estádio. 

O velório coletivo dos jogadores, diretoria da Chapecoense e jornalistas que estavam no avião que caiu na Colômbia na terça-feira (29) deve durar cerca de quatro horas, informou a diretoria do time. O clube acredita, em balanço prelimianar, que 51 vítimas devem ser veladas na Arena Condá, em Chapecó, no Oeste de Santa Catarina, na sexta-feira (2).

Velório coletivo deve durar 4 horas com ao menos 51 vítimas em Chapecó

Em entrevista coletiva nesta quinta-feira (1), a Chapecoense informou que apenas os familiares e amigos devem chegar próximos às urnas, que estarão no gramado do estádio. O início da cerimônia será fechada. Conforme o porta-voz do clube Andrei Copetti, a medida é por uma questão de segurança e logística.

Na quarta (30), a diretoria havia cogitado a hipótese dos torcedores passarem em frente às urnas. Nesta quinta, a organização diz que os fãs ficarão nas arquibancadas. Telões também serão instalados do lado de fora do estádio. A previsão é que cerca de 100 mil pessoas passem pelo local no dia da cerimônia. 

A Chapecoense espera começar o velório coletivo às 12h, mas há chance de atraso. Após o velório, os corpos serão liberados para sepultamento nas cidade de origem. O número de vítimas que estarão nos gramados ainda pode ser alterado, já que a direção do clube deixou a cargo das famílias a decisão de participar da homenagem. Ao menos 16 pessoas devem ser sepultadas em Chapecó, a maioria delas, jornalistas da região.

Presença do governador Colombo e presidente Temer

O governo de Santa Catarina confirmou que o presidente Michel Temer e o governador Raimundo Colombo estarão em Chapecó na sexta-feira para o velório.

De acordo com o governo do estado, a confirmação da presença de Temer foi dada ao governador na noite de quarta-feira pelo próprio presidente, durante uma conversa por telefone. Temer, no entanto, conforme o estado, não informou o horário em que deve chegar à cidade do Oeste catarinense.

Velório coletivo deve durar 4 horas com ao menos 51 vítimas em Chapecó

Trajeto

Ao chegarem ao aeroporto, os corpos, que estarão em caixão fechados, devem ser transportados em três ou quatro caminhões dos bombeiros, acompanhados por batedores da Polícia Militar.

O trajeto do aeroporto até o estádio deve demorar 45 minutos, prevê o Corpo de Bombeiros. Ruas da região por onde o cortejo vai passar deverão ser interditadas "pelas ordens de segurança”, disse o tenente-coronel Balsan, do Corpo de Bombeiros. A entrada será pelo portão 14, da Arena Condá, até o gramado.

Montagem da estrutura

A estrutura metálica para o velório começou a ser montada na tarde de quarta (30). Trabalhadores informaram que serão montadas tendas para a colocação dos caixões, em frente à ala sul do estádio. Uma simulação do cortejo pela cidade foi feita na tarde de quarta.
Pela manhã de quarta, funcionários do clube estavam no gramado do estádio para analisar o posicionamento dos familiares e a implementação de tablados nas áreas dos caixões. Assim que os corpos chegarem, serão levados ao complexo esportivo.

O clube estuda a quantidade de cadeiras e o posicionamento para circulação das pessoas que são esperadas na Arena Condá para o adeus às vítimas. Depois do velório, os familiares poderão levar os corpos para os estados de origem.

Tópicos Chapecó
Diego Madruga
Globoesporte.com 

Mulher acaba de ser esmagada por caminhão caçamba em Cacoal em acidente com Moto Taxi, vítima era passageira

Atropelamento provoca morte em Cacoal, o acidente aconteceu na Avenida Afonso Pena à poucos instantes, tráfego estava lento no local.

Uma pessoa morreu em um atropelamento, na manhã desta quinta-feira (01), na região central de Cacoal. De acordo com a Polícia Militar (PM), uma mulher, passageira de um moto táxi, foi atingida por um caminhão de lixo ao passar por um buraco na pista.

O motorista do caminhão e o moto taxista estão na Delegacia neste exato momento, maiores informações a qualquer momento.


Mulher acaba de morrer esmagada por caminhão em acidente com moto taxi em Cacoal, a mulher era a carona




Da Redação
Cacoal NEWS

CBF vai pagar indenização a familiares de atletas da Chapecoense mortos em acidente em 12 vezes o salário dos jogadores

Entidade prevê ressarcir em doze vezes os salários dos jogadores

A CBF vai pagar uma indenização aos familiares das vítimas do acidente trágico do avião que levava a Chapecoense para a Colômbia. A quantia será de 12 vezes os salários dos atletas. No entanto, o valor diz respeito apenas ao contrato de CLT – não ao de imagem. O seguro cobre casos de morte ou acidentes que resultem em invalidez permanente ou funcional.Segundo o diretor de registros da CBF, Reynaldo Buzzoni, a entidade já se organizou para iniciar o processo de indenização nas próximas semanas. 



Ele explicou que todos os jogadores de futebol que tenham contrato ativo e estejam registrados no Boletim Informativo Diário (BID) – as condições são indispensáveis para isso – têm direito a esse seguro.Buzzoni não se pronunciou sobre a possibilidade de um teto para cada indenização.


CBF vai pagar indenização a familiares de atletas da Chapecoense mortos em acidente em 12 vezes o salário dos jogadores


Heuler Andrey
Futebol Brasileiro

Verde da Esperança - Chapecoense recebe 13 mil novos sócios em um único dia!

Ivan Tozzo, novo presidente em exercício da Chapecoense, falou sobre a grande procura para adesão de sócios-torcedores do clube catarinense. Segundo o dirigente, desde a manhã da última terça-feira (29) até a tarde desta quarta-feira (30), 13 mil pessoas aderiram ao plano.“Nem nós sabíamos da grandeza do clube. Em 2005 o nosso clube era para fechar, cheio de dívidas". 

Presidente revela solicitação de 13 mil novos sócios da Chapecoense

"E conseguimos chegar a esse nível. Recebi telefonemas de clubes querendo vir para Chapecó para saber o que fizemos. A dimensão que a gente tem, jamais alguém imaginou. De ontem para hoje 13 mil sócios quiseram se associar, todos de fora de Chapecó. Isso demonstra o trabalho que fizemos. Atualmente temos 9 mil sócios pagantes”.

Presidente revela solicitação de 13 mil novos sócios da Chapecoense

Desde o acidente trágico, em meio a diversas homenagens, torcedores de clubes do Brasil se mobilizaram em uma campanha para que a Chapecoense ganhasse novos adeptos em seu plano de sócio-torcedor.

Da Redação 
Cacoal NEWS

Enquanto o povo dormia, inverteram as "medidas contra a corrupção" a favor dos corruptos

Deltan tinha avisado que iriam fazer de tudo, na madrugada. Dito e feito. Temer, coroné Renan e Geleia Maia conseguiram o que queriam em prol do acordão para salvar o quadrilhão.
Ainda não aprovaram a anistia à caixa 2, mas vão achar um jeitinho de o fazer perto do final do ano, numa outra madrugada, quando o povo estiver mais desatento do que já está. Com efeito, na madrugada de 29/11, 450 deputados inverteram o que seria as '10 medidas contra a corrupção', a favor deles. Isto é, os investigados querem ver juízes, promotores e procuradores na cadeia por investigá-los.


Enquanto o povo dormia, inverteram as "medidas contra a corrupção" a favor dos corruptos

É evidente que vai chover de ações diretas de inconstitucionalidade no STF para derrubar uma posterior lei, se aprovada no senado dia 4/12/2016. Resumindo: as 2,4 milhões de assinaturas, o empenho do MPF para endurecer as leis contra a corrupção, o desejo do povo de ver políticos atrás das grades com punições severas foram jogados no  lixo pelos ladrões da República.


Enquanto o povo dormia, inverteram as "medidas contra a corrupção" a favor dos corruptos

E mais, se aprovado no senado, o texto como está, com poder de 'retroação', dia 4/12/2016, muitos presos da Lava Jato poderão passar natal e ano novo nas suas mansões e aí é game over, fim de jogo para o Brasil, Moro, PF, MPF e a vitória será do quadrilhão.

Isso, sem falar de outros projetos que logo serão pautados para votação, como o aumento do fundo partidário, o novo acordo de leniência para livrar empreiteiras e políticos corruptos, e o abominável PLS 280/2016 do coroné Renan que oficializa a ditadura da corrupção.


Enquanto o povo dormia, inverteram as "medidas contra a corrupção" a favor dos corruptos

MAIS UMA VEZ: Sem o povo nas ruas, aos milhões, ocupando sedes do governo e indo até na casa de políticos e ministros do supremo e demais altas cortes, nada mudará.Sem pressão total, sem Faxina Geral.

Responsabilização dos partidos políticos e tipificação do caixa dois eleitoral  Os candidatos que receberem ou usarem doações que não tiverem sido declaradas à Justiça eleitoral irão responder pelo crime de caixa dois, com pena de dois a cinco anos de prisão. O texto prevê multas para os partidos políticos.

Se os recursos forem provenientes de fontes vedadas pela legislação eleitoral ou partidária, a pena é aumentada de um terço.

CERTAMENTE FUNCIONARÁ

Crime de responsabilidade a juízes e membros do Ministério Público Entre as condutas que passariam a ser crime estariam a atuação dos magistrados com motivação político-partidária e a apresentação pelo MP de ação de improbidade administrativa contra agente público "de maneira temerária". Nesse caso, além de prisão, os promotores também estariam sujeitos a indenizar o denunciado por danos materiais e morais ou à imagem que tiver provocado. A pena prevista no texto aprovado é de seis meses a dois anos de reclusão.

DUVIDAMOS QUE FUNCIONE

Prevenção à corrupção, transparência. Os tribunais terão que divulgar informações sobre o tempo de tramitação de processos com o propósito de agilizar os procedimentos.

DUVIDAMOS MUITO QUE FUNCIONE

Aumento das penas e inserção de tipos na Lei de Crimes Hediondos. Eleva a pena para diversos crimes, incluindo estelionato, corrupção passiva e corrupção ativa. Esses delitos serão considerados hediondos quando a vantagem ou prejuízo para a administração pública for igual ou superior a dez mil salários mínimos vigentes à época do fato.

CERTAMENTE FUNCIONARÁ

Ações populares. Reforça as regras para a apresentação de ações populares, que já está prevista na legislação brasileira. O texto especifica que, se a ação for julgada procedente, o autor da ação terá direito a retribuição de 10% a 20% a ser paga pelo réu.

DUVIDAMOS MUITO QUE FUNCIONE

Recursos . Estabelece regras para limitar o uso de recursos com o fim de atrasar processos. 

Da Redação
Cacoal NEWS

Homem de 30 anos é executado com três tiros em frente escola infantil em Cacoal

Aldeir da Silva, 30 anos de idade, foi executado com um tiro no tórax, o homicídio ocorreu nesta quarta-feira (30), em frente à escola infantil Pedro Kemper, no bairro Teixeirão em Cacoal. O assassino atirou três vezes, a vítima foi alvejada com um tiro no tórax

O resgate do Corpo de Bombeiros foi acionada por volta de 12h15, ao chegar no local do crime, Aldeir já estava em óbito, restando aos bombeiros apenas a constatação de sua morte. Segundo informações ainda desencontradas o atirador estava numa motocicleta Biz vermelha.



Aldeir chegou em frente a escola numa motocicleta Biz azul, e foi atingido com um disparo no tórax, ele ainda tentou correr por alguns metros vindo a tombar sem esboça reação. Existe a suspeita que o assassino estava esperando a vítima, como se tivessem marcado um encontro, o assassino efetuou três disparos, dois acertaram o muro da escola.


Homem de 30 anos é executado com três tiros em frente escola infantil em Cacoal

Nesta madrugada por volta das 03h00, Aldeir da Silva foi detido pela PM com uma motocicleta furtada. Ele foi encaminhado à delegacia, como não estava em flagrante foi ouvido e liberado por volta das 10h30.



Aldeir tem antecedentes criminais, ele figura como infrator em ao menos (6) ocorrências. A motivação do crime pode ter sido acerto de contas, a divisão de homicídios está investigando o caso. 


Claudinei Sorce
Tribuna Popular
 DRT-1615 RO

Hospital confirma amputamento de perna de Jackson Follman que segue na U.T.I

Um dos seis resgatados com vida do trágico acidente envolvendo o avião que levava a delegação da Chapecoense à Colômbia – teve sua perna direita amputada devido aos ferimentos na queda do avião.A informação foi confirmada pelo Hospital San Vicente Fundación de Rio Negro, para onde foi transferido o atleta. Em um comunicado oficial, o hospital informou o amputamento, mas ressaltou que o quadro de Follman é estável e todos os esforços do local estão voltados para sua recuperação.

Hospital confirma amputamento de perna de Jackson Follman que segue na U.T.I
Hospital confirma amputamento de perna de Jackson Follman que segue na U.T.I

Da Redação 
Cacoal NEWS

Boletim médico oficial de Neto e Rafael Henzel diz que ambos estão em estado crítico, mas estável

Sobreviventes do desastre de Antioquia seguem sedados e sob cuidados médicos na Unidade de Tratamento Intensivo,

Passado um dia do trágico acidente com o avião da Chapecoense, que culminou na morte de 71 pessoas, o clima de tristeza segue pairando no ar. A esperança, agora, está na plena recuperação dos feridos.Na tarde desta quarta-feira (30), o doutor Luís Fernando, um dos responsáveis pelos cuidados dos sobreviventes, concedeu comunicado oficial a respeito da saúde de Rafael Henzel, jornalista da Rádio Oeste Capital, e do zagueiro Neto, da Chapecoense.“Os dois estão em estado crítico, mas estável. Continuam com o tratamento médico e seguem na UTI. Ainda estão sedados, respirando com a ajuda de aparelhos. 


O procedimento básico é manter uma estabilidade e conseguir a recuperação das funções multiorgânicas, para que possam despertar mais tarde. A tensão está na função pulmonar. O trauma grande que os dois sofreram foi no tórax. Estamos buscando a recuperação da função pulmonar. Ambos passaram por transfusões sanguíneas e estão tendo grande apoio de todos os especialistas, permanecendo sob atenção integral”.

Da Redação
Esporte Interativo

Pacote anticorrupção passa sem anistia ao caixa 2, mas com punição a juízes

Apenas um parlamentar votou contra o projeto do Ministério Público (MPF) na primeira votação na Câmara.

A Câmara dos Deputados aprovou na madrugada desta quarta-feira, em primeira votação, o pacote de medidas anticorrupção sugerido pelo Ministério Público Federal (MPF) por meio de um projeto de iniciativa popular. Tratado inicialmente como as Dez Medidas Contra a Corrupção, o texto principal aprovado terminou com 12 ações. A votação final foi de 450 a favor, um contrário e três abstenções. O único voto contra foi o deputado Zé Geraldo (PT-PA).

Pacote anticorrupção passa sem anistia ao caixa 2, mas com punição a juízes

O principal ponto que ameaçava a futura lei era uma emenda que anistiaria o crime de caixa 2 – que é a doação oculta e ilegal de recursos para campanha eleitoral. Se aprovada, ela poderia beneficiar principalmente políticos investigados pela Operação Lava Jato. Ao se verem acuados diante da reação popular que era contrária a esse perdão, os presidentes das duas casas legislativas, o deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ) e o senador Renan Calheiros (PMDB-AL) firmaram um acordo com o presidente da República, Michel Temer (PMDB), para impedir a aprovação dessa anistia.

Temer chamou esse acordo de “ajustamento institucional” que atenderia aos anseios das ruas. Na semana passada, quando o texto seria votado de maneira célere, houve uma grande comoção social nas redes sociais e ocorreram alguns protestos em grandes cidades. O anúncio desse acordo ocorreu no domingo passado. O presidente ameaçou vetar essa medida caso ela fosse aprovada pelo Legislativo.

Entre a noite de terça-feira e a madrugada de quarta-feira, todos os partidos orientaram suas bancadas a votarem a favor do projeto principal do pacote anticorrupção. Um total de 16 emendas (alterações) apresentadas por parlamentares foram analisadas ainda durante a madrugada e alteraram  pontos sensíveis do projeto. Todas foram rejeitadas pelo relator da proposta na comissão especial, Onyx Lorenzoni (DEM-RS), mas a maioria acabou sendo aprovada pelo plenário.

A principal das emendas, aprovada pelo plenário e sugerida pela bancada do PDT previa a punição de juízes e membros do Ministério Público por conta de sua atuação em processos. Inicialmente essa penalização dos representantes do Judiciário constava do relatório do deputado Lorenzoni. Após uma pressão feita por procuradores da força-tarefa da Operação Lava Jato no Paraná, o relator alterou o seu entendimento e retirou essa pena.

“Antes, o deputado Onyx achava que valia igualar os juízes e promotores com os demais cidadãos. Depois que esteve com o pessoal de Curitiba, mudou seu juízo. Nós não mudamos o que pensamos, por isso sugerimos essa mudança”, explicou o líder do PDT, Weverton Rocha (MA).  "Temos de entender que todos são iguais perante a lei", declarou o deputado João Campos (PRB-GO).

Lorenzoni sugeriu que não era o momento de fazer essa discussão exatamente quando o país acelera uma série de investigações. “É difícil ouvir a razão, o equilíbrio e o bom senso e a forma verdadeira de se coibir a corrupção política no Brasil”, discursou o relator sob vaias. “Vamos começar um processo de desconstrução e destruição daquilo que tem sido bem feito. É uma ameaça ao que está dando certo”.

Um dos argumentos de Lorenzoni era de que essa questão fosse debatida no projeto de lei que tramita no Legislativo que trata especificamente de crimes funcionais de magistrados e procuradores. Essa proposta mudaria a lei que trata da improbidade administrativa. Não foi ouvido. Essa emenda acabou aprovada por 313 votos a favor, 132 contrários e 5 abstenções.

Pela emenda aprovada, os promotores e procuradores poderão responder pelo crime de abuso de autoridade caso instaurem “procedimento sem que existam indícios mínimos de prática de algum delito”. O representante do Ministério Público também corre o risco de ter de indenizar quem for denunciado por ele. Seria uma reparação por "danos materiais, morais ou à imagem que houver provocado”. Nesse caso, os legisladores atuaram em causa própria. Era comum ver deputados reclamarem no plenário de que, mesmo setem terem sido julgados, acabaram com a imagem "suja" por conta de processos que teriam sido abertos, sem embasamento jurídico.

Por meio de seu Twitter, o coordenador da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba, o procurador Deltan Dallagnol. "Está sendo aprovada a lei da intimidação contra promotores, juízes e grandes investigações".

Com relação aos juízes, eles podem ser enquadrados em oito situações. A principal delas é no caso de ele se “expressar, por qualquer meio de comunicação, opinião sobre processo pendente de julgamento”. Caso isso ocorra, ele pode pegar de seis meses a dois anos de prisão em caso de condenação.

Desfigurado

No fim da votação, por volta das 4h20 de quarta-feira, boa parte do projeto havia sido desfigurado. Da proposta original, os deputados retiraram, por exemplo, a medida que previa a punição aos partidos políticos pela prática de caixa 2, acabaram com a figura do "reportante do bem" (que era uma espécie de ajuda financeira a quem delatasse crimes dos quais não participou), reduziram o poder do Ministério Público junto aos acordos leniência e não aprovaram a tipificação do enriquecimento ilícito.

Dessa maneira, da proposta final ficou assim: o crime de corrupção se tornou hediondo se envolver valores superiores a 10.000 salários mínimos, foi tipificado o delito de caixa 2 eleitoral, os tribunais de Justiça terão de ser mais transparentes na divulgação de dados processuais e haverá uma limitação de recursos para evitar a protelação de processos.

Quando as votações acabaram, o relator Lorenzoni desabafou: "O objetivo inicial do pacote era combater a impunidade, mas isso não vai acontecer porque as principais ferramentas foram afastadas. O combate à corrupção vai ficar fragilizado. E com um agravante, que foi essa intimidação dos investigadores".

Operação Lava Jato Ministério Público Federal Crises políticas Caso Petrobras Investigação policial Subornos Financiamento ilegal Lavagem dinheiro Petrobras.

Afonso Benites
Da Redação
El País

Ato contra PEC do Teto tem repressão policial e depredação em Brasília

Cerca de 40 pessoas ficaram feridas, sendo um policial esfaqueado e outro apedrejado. Quatro manifestantes acabaram presos depois de depredarem carros e prédios.

Militantes vinculados a centrais sindicais, a movimentos sociais estudantis e a universidades foram fortemente reprimidos em um protesto contra a PEC do Teto de Gastos nesta terça-feira, em Brasília. A manifestação ocorria de maneira civilizada até que um carro foi tombado pelos manifestantes. O gramado do Congresso Nacional estava quase todo ocupado. Eram cerca de 10.000 pessoas, conforme a Polícia Militar, ou 50.000, de acordo com os organizadores.

Ato contra PEC do Teto tem repressão policial e depredação em Brasília

O ato começou a se tornar violento quando militantes vinculados à tática black bloc tombaram um carro da TV Record. A polícia levou cerca de dez minutos para começar a agir. Só começou quando esse grupo tentou romper, empurrado o carro tombado, um cordão policial que cercava uma das entradas do Legislativo. Quando os policiais reagiram, lançaram mais de cem bombas no meio dos manifestantes. Até quem não participava de nenhum ato violento foi alvo de bombas e spray de pimenta.

Foi o sinal para incendiar os ânimos de boa parte dos militantes. Eles foram empurrados para áreas distantes do Congresso e, por onde passaram, iniciaram depredações e fizeram pichações até em prédios históricos, como o Museu Nacional. Ao menos mais três carros foram depredados – um deles incendiado em frente à Catedral Metropolitana. O prédio do Ministério da Educação foi invadido e vários vidros e equipamentos danificados. Câmeras de segurança mostram que encapuzados entraram no prédio e destruíram o que viam pela frente.

Enquanto isso, a Polícia Militar do Governo Rodrigo Rollemberg (PSB-DF) revidava com bombas de gás. A estratégia da PM era encurralar os manifestantes no local mais distante possível do Congresso Nacional. Conseguiram levá-los até a rodoviária do Plano Piloto, a 5 km de distância. Lá, enquanto os policiais lançavam bombas e alguns militantes as devolviam.

O resultado, 40 pessoas feridas, sendo duas delas policiais – um esfaqueado nas costas e outro apedrejado na cabeça. Ao menos quatro pessoas foram presas. Em notas ou pronunciamento, Rollemberg e o presidente Michel Temer (PMDB) repudiaram os atos violentos. Ambos defenderam a manifestação pacífica e a atuação das polícias Militar, Federal e da Força Nacional que reprimiram os militantes. A PEC 55, que já foi aprovada na Câmara, passou com facilidade em seu primeiro teste no Senado poucas horas depois. A medida ainda precisa passar por uma nova votação para ser incorporada à Constituição.

Da Redação
El País

 
Copyright © 2016. Cacoal NEWS Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa© Web Sites (69) 9366 7066 WhatsApp | www.dupessoa.com.br