Faculdade de Cacoal tem curso de MEDICINA REPROVADO pelo MEC

Enviar no WhatsApp
Rondônia tem faculdade reprovada em avaliação do MEC - Veja a publicação no Diário Oficial da União

Cerca de 17% dos cursos de Medicina avaliados pelo Ministério da Educação (MEC) foram reprovados no Conceito Preliminar de Curso (CPC) de 2013. Os dados foram publicados nesta quinta-feira (18) no Diário Oficial da União. O Inep informou, por meio de sua assessoria de imprensa, que só vai divulgar as planilhas com os dados consolidados nesta sexta.


Ao todo, 154 cursos de Medicina foram avaliados no Exame Nacional de Avaliação dos Estudantes (Enade) de 2013. Destes, 27 (17,5%), foram reprovados por terem obtido nota inferior a 3 em uma escala de números inteiros que vai de 1 a 5. Todas as instituições com conceito considerado “insatisfatório” pelo MEC obtiveram nota 2. No Rio de Janeiro, foram reprovadas as graduações do Centro Universitário Serra dos Órgãos, em Teresópolis, e a Universidade do Grande Rio Professor José de Souza Herdy, em Duque de Caxias. Nenhum curso obteve nota máxima (5).

Em 2013, tiveram de fazer o Enade formandos dos cursos de Agronomia, Biomedicina, Educação Física, Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Medicina, Medicina Veterinária, Nutrição, Odontologia, Serviço Social, Zootecnia, Tecnologia em Agronegócio, Tecnologia em Gestão Ambiental, Tecnologia em Gestão Hospitalar e Tecnologia em Radiologia.

O CPC considera os resultados do Enade e a qualidade da infraestrutura, do projeto pedagógico e dos professores. Os cursos que forem reprovados duas vezes consecutivas, com notas 1 ou 2, na escala até 5, sofrem punições como a suspensão de seus vestibulares.
Ao todo, foram avaliados 3.439 cursos no ano passado. E destes, 302 (8,7%) obtiveram conceitos 1 ou 2, considerado “insatisfatório”. Somente 70 cursos (2%) conseguiram nota máxima.

APENAS 1% DE INSTITUIÇÕES COM NOTA MÁXIMA

Além do CPC, o MEC divulgou nesta quinta-feira o Índice Geral de Curso (IGC), que é calculado com base no CPC, além das notas de mestrados e doutorados atribuídas pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) para cada instituição. Das 2.023 instituições avaliadas no Índice Geral de Cursos (IGC) em 2013, 354 (17,4% do total) foram reprovadas, 344 com conceito 2, e 10 com conceito 1, considerados insatisfatórios pelo MEC. Apenas 25 obtiveram a nota máxima 5 (1,2% do total), nenhuma do Rio de Janeiro.

Entre as universidades fluminenses, UFRJ, UFRRJ, UFF, Uerj, PUC e Unirio ficaram com IGC 4. Naquelas que possuem cursos de Medicina, Uerj e UFRJ obtiveram CPC 4. Com CPC 3, ficaram as graduações de Unirio, UFF, Estácio de Sá, Souza Marques e Unig (Itaperuna e Nova Iguaçu).

Confira a lista dos cursos reprovados em Medicina:

1) UNIVERSIDADE ESTADUAL DE SANTA CRUZ – BA
2) UNIVERSIDADE JOSÉ DO ROSÁRIO VELLANO – MG
3) UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE ALAGOAS (UNCISAL) – AL
4) UNIVERSIDADE DO OESTE DE SANTA CATARINA – SC
5) UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ – SC
6) UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL REI – MG
7) UNIVERSIDADE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS – MG
8) UNIVERSIDADE CAMILO CASTELO BRANCO – SP
9) FACULDADE EVANGÉLICA DO PARANÁ – PR
10) UNIVERSIDADE DO GRANDE RIO PROFESSOR JOSÉ DE SOUZA HERDY – RJ
11) CENTRO UNIVERSITÁRIO SERRA DOS ÓRGÃOS – RJ
12) PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS – GO
13) UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ – PA
14) UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL – RS
15) UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS – RS
16) UNIVERSIDADE NILTON LINS – AM
17) CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIRG – TO
18) UNIVERSIDADE DE CUIABÁ – MT
19) CENTRO UNIVERSITÁRIO DO ESTADO DO PARÁ – PA
20) UNIVERSIDADE METROPOLITANA DE SANTOS – SP
21) FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS – BA
22) FACULDADE DE MEDICINA ESTÁCIO DE JUAZEIRO DO NORTE – CE
23) CENTRO UNIVERSITÁRIO DO ESPÍRITO SANTO – ES
24) FACULDADE DE CIÊNCIAS BIOMÉDICAS DE CACOAL – RO
25) UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE (Cajazeiras) – PB
26) CENTRO UNIVERSITÁRIO DE CARATINGA – MG
27) FACULDADE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS – TO
Confira as instituições com nota máxima no Índice Geral de Cursos:
1) UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS
2) FACULDADE DE CIÊNCIAS MÉDICAS DA SANTA CASA SÃO PAULO
3) UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS
4) FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA
5) UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS
6) UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL
7) UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA
8) UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO
9) UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
10) FACULDADE JESUÍTA DE FILOSOFIA E TEOLOGIA
11) ESCOLA DE GOVERNO PROFESSOR PAULO NEVES DE CARVALHO
12) INSPER INSTITUTO DE ENSINO E PESQUISA
13) ESCOLA SUPERIOR DE ENSINO ANÍSIO TEIXEIRA
14) FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS
15) ESCOLA BRASILEIRA DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA E DE EMPRESAS
16) FACULDADE DE TECNOLOGIA DE OURINHOS
17) ESCOLA DE ECONOMIA DE SÃO PAULO
18) FACULDADE DE ODONTOLOGIA SÃO LEOPOLDO MANDIC
19) FACULDADE FUCAPE
20) ESCOLA BRASILEIRA DE ECONOMIA E FINANÇAS
21) ESCOLA SUPERIOR DE CIÊNCIAS SOCIAIS
22) FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC
23) ESCOLA SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO E GESTÃO DA BAIXADA SANTISTA
24) INSTITUTO TECNOLÓGICO DE AERONÁUTICA
25) INSTITUTO MILITAR DE ENGENHARIA

Fonte: Rondônia Dinâmica 

    Opiniões
    Opiniões

0 Comentários:

Postar um comentário

Não aceitamos:

- Agressões e insultos contra autores, outros comentaristas e personagens citados nas colunas e matérias
- Declarações sexistas, xenófobas ou racistas
- Informações falsas
- Propaganda comercial
- Evite digitar em Maiúsculo

 
Copyright © 2016. Cacoal NEWS Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa© Web Sites (69) 9366 7066 WhatsApp | www.dupessoa.com.br