Melki Donadon diz ser pobre à Justiça de Rondônia para não pagar custos do Processo

Enviar no WhatsApp
No entanto, o juiz de Direito Fabrízio Amorim de Menezes indeferiu o pedido salientando os diversos notórios empreendimentos do ex-prefeito de Vilhena e do próprio patrimônio discutido nos autos do processo avaliado em quase R$ 7 milhões


Porto Velho, RO – O ex-prefeito de Vilhena Melkisedek Donadon, conhecido como Melki Donadon, alegou ser pobre à Justiça de Rondônia para garantir a gratuidade processual no trâmite de um recurso de embargos de terceiro movido contra ele pela sua própria esposa, Rosani Terezinha Pires da Costa Donadon.

O juiz de Direito Fabrízio Amorim de Menezes, da 4ª Vara Cível de Vilhena, disse ao indeferir o pedido que “a simples alegação de pobreza vem sendo admitida pelos tribunais como requisito suficiente para concessão do benefício de gratuidade da justiça, desde que de plano tal situação não seja infirmada pelas condições da parte postulante, como no caso concreto do embargado, onde é notório que possui condições de arcar com o valor do preparo, já que possui diversos empreendimentos no Estado e do próprio patrimônio que está sendo discutido no autos, que tem valor aproximado de R$ 7.000.000,00”, destacou o magistrado.

Menezes finalizou suas considerações no despacho dizendo que, levada em conta a situação real de Donadon, não pode prosperar a alegação de que seja pobre e não teria como suportar o pagamento do preparo (adiantamento das despesas relativas ao processamento do recurso.). 

Assim, o juiz mandou intimar Melki para recolher o recurso das despesas, no prazo de dez dias, sob pena de deserção (abandono do recurso pelo recorrente, caracterizado pela falta de preparo no prazo legal).

Confira o despacho abaixo na íntegra

    Opiniões
    Opiniões

0 Comentários:

Postar um comentário

Não aceitamos:

- Agressões e insultos contra autores, outros comentaristas e personagens citados nas colunas e matérias
- Declarações sexistas, xenófobas ou racistas
- Informações falsas
- Propaganda comercial
- Evite digitar em Maiúsculo

 
Copyright © 2016. Cacoal NEWS Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa© Web Sites (69) 9366 7066 WhatsApp | www.dupessoa.com.br