Quem errar não fica no meu governo, garante Confúcio Moura

Enviar no WhatsApp
'Quem errar não fica no meu governo', garante Confúcio Moura, em posse. Governador prometeu eficiência e transparência no novo mandato em RO. 'Não serei conivente e nem porei panos quentes', afirmou o peemedebista.

"Quem errar não fica no meu governo e pagará pelo seu erro." A declaração foi feita nesta quinta-feira (1º) pelo governador de Rondônia, Confúcio Moura (PMDB), ao ser reempossado no cargo para mais um mandato. A solenidade de posse foi realizada em Porto Velho, no Teatro Estadual Palácio das Artes. Além de assegurar eficiência e transparência na administração pelos próximos quatro anos, o peemedebista se comprometeu a concluir obras, fomentar o agronegócio e tocar projetos de prevenção a danos de cheias dos rios do estado.

'Quem errar não fica no meu governo', garante Confúcio Moura, em posse (Foto: Decom/Divulgação)
'A palavra agora é foco', diz Confúcio Moura sobre novo mandato, em RO

Ao falar sobre a equipe de governo e o eventual envolvimento de qualquer integrante do quadro em irregularidades e denúncias, Confúcio foi enfático e prometeu punição imediata. "Vamos endurecer o caldo. Se algum integrante do nosso governo cair em comprovada tentação e errar, será substituído. Responderá pelos seus atos na Justiça. Não serei conivente e nem porei panos quentes. Quem errar não fica no meu governo e pagará pelo seu erro", garantiu.

O governador firmou o compromisso de entregar obras e projetos em andamento, entre eles, as Unidades Integradas de Segurança Pública, que substituirão as delegacias e batalhões das Polícias Civil e Militar. Outra promessa é dar continuidade à assistência à população ribeirinha que foi afetada pela cheia histórica do Rio Madeira, no início de 2014. Ainda sobre as enchentes, Confúcio prometeu a elaboração do projeto da orla de Porto Velho, para proteger a cidade de futuros danos em decorrência do aumento do nível das águas. "Sua construção demandará ações para busca de recursos, por ser obra cara", explicou.

'Quem errar não fica no meu governo', garante Confúcio Moura, em posse (Foto: Decom/Divulgação)O peemedebista também elegeu como meta da gestão alavancar a produção agrícola e pecuária e a agroindústria no estado. "Queremos obter uma safra de 4 milhões de sacas de café, aumentar o nosso rebanho e expandir a produção de soja, milho, feijão e soja. Os bancos de fomento estão oferecendo bilhões em investimento, a maior fatia entre todos os estados da região Norte", afirmou, ao citar ainda que investirá no fortalecimento da indústria local e estimulará a chegada de novos empreendedores em Rondônia.

Na cerimônia, também foram empossados o vice-governador, Daniel Pereira(PSB), e os secretários de estado. Assumiram os cargos nas Secretarias de Estado Emerson Castro (Casa Civil), Evandro Padovani (Agricultura, Pecuária, Desenvolvimento e Regularização Fundiária), Fátima Gavioli (Educação), Wagner Garcia de Freitas (Finanças), George Braga (Assuntos Estratégicos e Planejamento, Orçamento e Gestão), Williames Pimentel (Saúde), Antônio Reis (Segurança, Defesa e Cidadania), Vilson Salles (Desenvolvimento Ambiental) e Marcos Rocha (Justiça).

Ana Fabre
Do G1 RO

    Opiniões
    Opiniões

0 Comentários:

Postar um comentário

Não aceitamos:

- Agressões e insultos contra autores, outros comentaristas e personagens citados nas colunas e matérias
- Declarações sexistas, xenófobas ou racistas
- Informações falsas
- Propaganda comercial
- Evite digitar em Maiúsculo

 
Copyright © 2016. Cacoal NEWS Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa© Web Sites (69) 9366 7066 WhatsApp | www.dupessoa.com.br