Aumento do combustível deixa alunos sem transporte escolar em Cacoal

Enviar no WhatsApp
Ônibus não passaram devido a ajuste em contrato com posto, diz Semed. Secretário garante que situação deve ser normalizada na próxima semana.

Um dos filhos de Girlene da Silva é cadeirante e perderá a primeira semana de aula (Foto: Rogério Ferreira/G1)

Filhos de Girlene da Silva perderão a primeira semana de aula (Foto: Rogério Aderbal/G1)
Nesta semana começaram as aulas na rede municipal de ensino de Cacoal (RO), município distante cerca de 480 quilômetros de Porto Velho. Porém, os alunos moradores da zona rural e dos bairros mais afastados, São Marcos e Alfha Parque, ainda não tiveram transporte escolar. Os ônibus não passaram e mais de 300 alunos foram afetados. Alguns pais reclamam de não ter condições de levar os filhos. A Secretaria Municipal de Educação (Semed) alega que o problema ocorreu devido ao aumento no preço dos combustíveis e, com isso, um realinhamento de preços foi necessário no contrato com o fornecedor.

Moradora do bairro São Marcos, a dona de casa Girlene da Silva, mãe de três crianças com idades de 13, 11 e 9 anos, sendo o mais novo cadeirante, afirma que seus filhos só vão estudar quando o transporte estiver normalizado. "Não tenho condições de mandar eles por conta própria. O jeito é esperar. Tomara que não demore muito", lamenta.

A doméstica Eunice Amâncio de Lima se diz preocupada com a situação. De acordo com ela, por ser afastado do centro da cidade, cerca de cinco quiômetros, o bairro São Marcos já merecia uma escola para atender as crianças da região. "Aqui é muito distante. Para acabar com esse sofrimento o certo seria construir uma escola aqui", aponta.

De acordo com o secretário da Semed, Joel Domingos, o problema aconteceu devido ao aumento no preço dos combustíveis que obrigou a realização de ajustes técnicos no contrato entre o município e o posto fornecedor. Ele acredita que a situação se regularize na próxima semana. "Isso não se resolve de um dia para outro. No entanto, os pais podem ficar tranquilos, porque estamos providenciando para disponibilizar a partir da próxima segunda (9) ônibus para transportar todos os alunos", assegura o secretário.

Joel disse ainda que no bairro São Marcos está sendo construída uma creche com capacidade de atender até 700 crianças. Confome a Semed, a conclusão da obra está prevista para mês do junho.

Rogério Aderbal
Do G1 RO
    Opiniões
    Opiniões

0 Comentários:

Postar um comentário

Não aceitamos:

- Agressões e insultos contra autores, outros comentaristas e personagens citados nas colunas e matérias
- Declarações sexistas, xenófobas ou racistas
- Informações falsas
- Propaganda comercial
- Evite digitar em Maiúsculo

 
Copyright © 2016. Cacoal NEWS Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa© Web Sites (69) 9366 7066 WhatsApp | www.dupessoa.com.br