Caminhoneiros aderem a paralisação em Vilhena e pretendem fechar BR-364 em Cacoal

Enviar no WhatsApp
A categoria anunciou paralisação ontem e segundo informações de representantes, a maioria dos empresários de Vilhena já  está com os caminhões parados. “ Quem não parou ainda vai ter que parar, porque não tem como mais continuar operando. 

A situação é absurda para continuarmos trabalhando. Se não tivermos resposta o comércio também é o próximo a fechar as portas”, disse um empresário.

O objetivo da paralisação é exigir reajuste no preço do combustível que teve aumento considerável nessa semana ou reajuste no valor do frete que torna inviável o trabalho devido ao alto custo operacional.

Mais 2500 caminhões devem parar em todo o estado de Rondônia. Em Vilhena cerca 1500 veículos devem parar de circular. A expectativa da categoria e somar força para que a paralisação tome proporções no país inteiro.

Em reunião realizada ontem na prefeitura, ficou decidido que os empresários realizariam a paralisação sem impedir o tráfego nas rodovias a fim de não causar transtornos à população.

Custo por km rodado 4,80 hoje estao pagando 3,80 categoria a baixo do custo.

    Opiniões
    Opiniões

0 Comentários:

Postar um comentário

Não aceitamos:

- Agressões e insultos contra autores, outros comentaristas e personagens citados nas colunas e matérias
- Declarações sexistas, xenófobas ou racistas
- Informações falsas
- Propaganda comercial
- Evite digitar em Maiúsculo

 
Copyright © 2016. Cacoal NEWS Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa© Web Sites (69) 9366 7066 WhatsApp | www.dupessoa.com.br