Pizza é servida durante sessão que arquivou CPI em Cacoal

Enviar no WhatsApp
Comissão apurava suposto esquema de fraude na área da saúde. 'No relatório não foi comprovado nada', diz prefeito.

Pizzas foram servidas na Câmara de Vereadores de Cacoal (RO), a cerca de 480 quilômetros de Porto Velho, em protesto durante sessão, na noite de segunda-feira (13), que arquivou o relatório final da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI). As investigações apuraram denúncias de um suposto esquema de fraudes na área da saúde e pretendia afastar o prefeito Francesco Vialetto (PT). Uma mulher precisou ser retirada do plenário após tirar a blusa em apoio à CPI. Para que o relatório fosse aprovado, a câmara iria precisar de dois terços dos votos, um total de oito assinaturas. O resultado final ficou em seis a seis.

Pizzas foram servidas na Câmara de Vereadores de Cacoal (Foto: Rogério Aderbal/G1)

Segundo a presidente da CPI, vereadora Maria Simões, a comissão foi instaurada devido à denúncia de um antigo secretário de Saúde sobre a suposta prática de recebimento de vantagens financeiras para ex-servidores públicos ligados ao prefeito. "Apuramos todos os pontos da denúncia, várias oitivas foram realizadas, o sigilo bancário e telefônico de pessoas envolvidas foram quebrados para o andamento das investigações. Infelizmente não alcançamos o resultado esperado", diz a vereadora.

O prefeito de Cacoal, afirma que o resultado da CPI foi justo, pois, segundo ele, as investigações não conseguiram provar a veracidade das denúncias. "O resultado não poderia ser outro, pois no relatório não foi comprovado nada, não há desvio de recursos, nem enriquecimento ilícito. Não existem provas concretas de que a administração tenha recebido propina", esclarece.

Manifestações

Durante a sessão, que estava com o plenário lotado, dois fatos inusitados ocorreram. Algumas pizzas foram distribuídas aos presentes no saguão de entrada da Câmara de Vereadores e uma delas foi levada até o balcão da tribuna onde ficam os vereadores. Ao autor do protesto não foi identificado.

Manifestante tirou a blusa em apoio à CPI (Foto: Marcelo Nery/Rondônia In Foco)

Pouco tempo depois uma mulher se dirigiu para a tribuna e diante dos vereadores retirou a blusa. Na sequência ela se virou para o prefeito de Cacoal, que acompanhava a votação, e mostrou em seu corpo frases de apoio à CPI, escritas de batom. A manifestante foi retiradas do plenário por seguranças.

Rogério Aderbal
Do G1 RO
    Opiniões
    Opiniões

0 Comentários:

Postar um comentário

Não aceitamos:

- Agressões e insultos contra autores, outros comentaristas e personagens citados nas colunas e matérias
- Declarações sexistas, xenófobas ou racistas
- Informações falsas
- Propaganda comercial
- Evite digitar em Maiúsculo

 
Copyright © 2016. Cacoal NEWS Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa© Web Sites (69) 9366 7066 WhatsApp | www.dupessoa.com.br