Sicredi registra mais um ano de crescimento

Enviar no WhatsApp
Em 2014, o Sicredi, instituição financeira cooperativa, registrou mais um ano de crescimento. O volume de sobras líquidas totalizou R$ 1,1 bilhão, incremento de 38,6% sobre 2013. Este resultado será distribuído entre os associados, proporcionalmente a utilização de produtos e serviços da cada cooperativa e de acordo com definições estatutárias. O volume de ativos totais atingiu R$ 46,1 bilhões, expansão de 20,0% em relação a 2013 e o patrimônio líquido chegou a R$ 6,9 bilhões, em 2014, um aumento de 26,2% em relação ao ano anterior. Os depósitos totais também avançaram 19,2% chegando a R$ 29,1 bilhões. E o número de associados superou 2,9 milhões.


Para o CEO do Banco Cooperativo, da Confederação e da Fundação Sicredi, Edson Georges Nassar, os resultados positivos refletem o acerto nas decisões estratégicas. “O crescimento é fruto do modelo de negócio único, centrado em atender as necessidades dos nossos associados, oferecendo as soluções adequadas para cada tipo de perfil”, afirma.

Em 2014, a Fitch Ratings, agência internacional de risco de crédito, atribuiu ao Banco Cooperativo Sicredi os índices nacional de longo prazo ‘A(bra)’; perspectiva estável, e o rating nacional de curto prazo ‘F1(bra)’. A análise completa da Fitch Ratings está disponível no sitewww.fitchratings.com.br/publications/7266. O Banco Cooperativo é o instrumento de acesso das cooperativas de crédito que integram o Sicredi ao mercado financeiro e programas especiais de financiamento.

A atração do jovem para a proposta do cooperativismo também foi relevante para os resultados alcançados em 2014. O foco do Sicredi nesse público mostrou-se bem sucedido com o maior índice de crescimento da base de associados na faixa etária de 18 a 25 anos, percentual que chegou a 11,5% do total de associados. “A presença de jovens nos programas de formação Crescer e Pertencer, bem como sua participação nas diferentes instâncias da administração das cooperativas demonstra que precisamos cada vez mais integrar e consolidar a atuação desse público no cotidiano da instituição”, ressalta o CEO.

A sustentabilidade foi outro tema que ocupou importante espaço na agenda estratégica do Sicredi em 2014. A instituição se dedicou a ouvir os seus principais públicos para identificar os temas que consideram prioritários para o desempenho. A ampla consulta resultou na construção da matriz de materialidade, a partir da qual serão definidas as atividades e processos que farão parte da governança de sustentabilidade.

Produtos e Serviços

O Sicredi fechou 2014 com crescimento superior a 24% no resultado decorrente de todas as operações de produtos e serviços. Atualmente, a instituição conta com um portfólio de mais de 300 produtos e serviços, que carregam os valores do cooperativismo, com soluções pensadas para gerar crescimento coletivo para pessoas e comunidades. Entre elas, estão investimentos, crédito, seguros, previdência, canais, cartões de crédito e débito e consórcios.

As empresas controladas pelo Banco Cooperativo Sicredi também ganharam relevância na sua atuação. O Sicredi tem hoje a maior Administradora de Consórcios do sistema cooperativo brasileiro, que ocupa a 10ª posição no ranking das maiores administradoras do país. A Corretora de Seguros apresenta taxas de crescimento acima da média de mercado e está entre as dez maiores corretoras do Brasil. E com a Administradora de Cartões, é o 14º maior emissor de bandeiras com ampla aceitação do país.

Crédito

As operações de crédito total atingiram 28,3 bilhões. Esse número coloca a instituição como a 11ª carteira de crédito do País. O crédito comercial atingiu a marca histórica de R$ 15,5 bilhões, com destaque para a concessão a pessoas física e jurídica, totalizando R$ 13,3 bilhões. O crescimento das operações realizadas com recursos próprios foi de 26%, enquanto o mercado nacional cresceu 12%.

O valor da carteira de Crédito Rural e Recursos Direcionados encerrou 2014 com valor superior a R$ 12 bilhões. Destaque para a carteira de BNDES, que apresentou um crescimento de 34% nos últimos 12 meses, atingindo R$ 4,9 bilhões. Foram realizadas no ano mais de 180 mil operações de crédito, sendo que destas operações, 63% foram destinadas ao pequeno produtor (integrante do Pronaf) e quando incluído o médio produtor (no âmbito do Pronamp), esse percentual atinge 72%.

As liberações do Pronaf totalizaram R$ 2,52 bilhões, representando 25,99% da carteira total (Rural e Direcionados). As liberações de Microcrédito tiveram um total de R$ 32,13 milhões, correspondendo a 0,33% da carteira total (Rural e Direcionados).

O Crédito Responsável Sicredi e os conceitos de educação financeira difundidos por suas diversas linhas contribuem diretamente para o baixo índice de inadimplência. O atual índice de inadimplência da carteira de crédito do Sicredi é de 2,01%.

Produtos de investimento

As operações de investimento registraram captação recorde em depósitos a prazo, com aumento de R$ 3 bilhões, atingindo a marca de R$ 16,2 bilhões e um crescimento de 23,1% sobre 2013. Com este desempenho, o volume captado praticamente dobrou em apenas três anos, apresentando crescimento de 81% contra o fechamento do ano de 2011.

A poupança fechou 2014 com uma carteira de R$ 4,5 bilhões, que representa um incremento de R$ 690,8 milhões, 18,3% sobre o ano de 2013. O desempenho do Sicredi mostrou–se superior à dinâmica do produto no mercado. Considerando a incorporação de rendimentos, o crescimento da poupança no sistema financeiro nacional foi de apenas 9% em 2014.

Consórcios

A operação de consórcios do Sicredi em 2014 passou a ocupar a 10º posição, em quantidade de cotas ativas, entre as 184 empresas do setor, segundo informações divulgadas pelo Banco Central. Os resultados para a operação de consórcios do Sicredi, em termos de volumes comercializados, registrou o atingimento de 121% da meta prevista, atingindo R$ 1,4 bilhão. Com isso, a instituição finalizou o ano com mais de R$ 6 bilhões em carteira ativa de créditos.

Seguros e Previdência

Contando com um portfólio abrangente de produtos, o Sicredi deu continuidade à estratégia de consolidação de operações para associados em diferentes ramos de atividades e faixas de renda. A capilaridade regional do Sicredi, marcada pela presença em pequenas cidades, contribui para a disseminação da linha de seguros como instrumento de segurança financeira e forma de garantir a continuidade dos negócios.

Já os produtos de previdência ganharam mais opções de fundos, atendendo a um número maior de perfis de investidores e com regras de acesso e taxas mais competitivas.

Em 2014, a produção de seguros (volume de prêmio) apresentou um incremento de mais de R$ 155 milhões, que representa um crescimento de 23% em relação ao ano anterior. No total, o volume de prêmios comercializados foi superior a R$ 825 milhões.

Recebimentos e pagamentos

No período, a arrecadação movimentou um volume financeiro de R$ 9 bilhões, chegando a mais de 32 bilhões de faturas pagas na rede de atendimento Sicredi. E a cobrança movimentou um volume financeiro maior que R$ 35 bilhões, alcançando a quantidade aproximada de 49,4 milhões de títulos.

Meios eletrônicos de pagamento

A base total de cartões fechou com mais de 2 milhões de plásticos nas funcionalidades de múltiplo, débito e crédito. O total de transações em 2014 atingiu 39 milhões. O faturamento acumulado no ano alcançou cerca de R$ 9 bilhões, somados os negócios de emissão e adquirência, resultando um crescimento de 47% sobre o mesmo período de 2013.

A instituição também concretizou a nova estratégia de atuação com a ampliação do portfólio. Passou a atuar com uma rede multidomicílio em adquirência e a emitir duas bandeiras de aceitação internacional, Visa e Mastercard. Com a iniciativa, os associados do Sicredi têm acesso a família completa de produtos, com cartões de débito e múltiplos Internacional, Gold e Platinum. A ampliação do acordo com a credenciadora Rede, existente desde 2010, permitiu oferecer aos associados a máquina de cartões com condições comerciais competitivas para aceitação das principais bandeiras do mercado.

Além do cartão Sicredi Touch, que integra a conta para o público de 18 a 25 anos, foram lançados plásticos segmentados para o público empresarial, os cartões BNDES e Empresarial (múltiplo e débito). Destaque do ano, o cartão Empresarial Sicredi Visa, produto desenvolvido para atender a demanda dos associados, encerrou 2014 com mais de 31 mil cartões emitidos.

Canais de conveniência

Investimento em tecnologia, projetos inovadores e reforço na segurança caracterizaram a atuação do Sicredi na administração dos canais de conveniência durante o ano. Os avanços na Plataforma Multicanal, que inclui as operações por internet, telefone e mobile, facilitaram o uso dos canais eletrônicos pelos associados.

Em 2014, 63% das transações foram realizadas nesses meios de atendimento. Destaque para a utilização do aplicativo Sicredi Mobi (plataforma mobile para uso em tablets e smartphones), com crescimento de 168% em número de transações financeiras e 110 mil downloads, e para os caixas eletrônicos, que concentram 28% de todas as movimentações financeiras.

A evolução na eficiência, na segurança dos canais digitais e na metodologia da concessão de crédito também contribuíram para o crescimento, acredita Nassar. “Tudo isso alicerça o compromisso da instituição com o desenvolvimento sustentável dos associados e das comunidades onde está inserido”.

A capilaridade do Sistema atingiu 1.341 unidades de atendimento. Cabe destacar que, em 206 cidades brasileiras, o Sicredi é a única instituição financeira existente, de acordo com o último levantamento do Banco Central. Dos 1.022 municípios em que está presente, 46% são de pequeno porte (menos de 10 mil habitantes). Em 20% do total de localidades em que mantém operações, é a única instituição financeira. Nessas 206 localidades, o Sicredi atende cerca de 29 mil associados produtores rurais, com R$ 964 milhões disponibilizados em crédito. Em 2014, houve aumento da presença da instituição em 41 novos municípios.

A educação é um dos princípios universais do cooperativismo. Entre as ações do Sicredi para colocá-lo em prática está o Programa A União Faz a Vida, que completará 20 anos em 2015. No ano passado, mais de 192 mil crianças e adolescentes, além de mais de 15,5 mil educadores de cerca de 1.200 escolas de Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio, em 221 municípios em todo o Brasil, foram beneficiados pelo Programa. Seu principal benefício é promover a cooperação e a cidadania por meio de projetos educacionais cooperativos, que tornam as crianças e adolescentes protagonistas. No período, chegou a 56 novas cidades.

Sobre o Sicredi – O Sicredi é uma instituição financeira cooperativa com mais de 2,9 milhões de associados e 1.341 pontos de atendimento, em 11 Estados* do País. Organizado em um sistema com padrão operacional único conta com 99 cooperativas de crédito filiadas, distribuídas em quatro Centrais Regionais – acionistas da Sicredi Participações S.A. – uma Confederação, uma Fundação e um Banco Cooperativo que controla uma Corretora de Seguros, uma Administradora de Cartões e uma Administradora de Consórcios.

Mais informações em sicredi.com.br
* Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Tocantins, Pará, Rondônia e Goiás.
Fonte: Sicredi

    Opiniões
    Opiniões

0 Comentários:

Postar um comentário

Não aceitamos:

- Agressões e insultos contra autores, outros comentaristas e personagens citados nas colunas e matérias
- Declarações sexistas, xenófobas ou racistas
- Informações falsas
- Propaganda comercial
- Evite digitar em Maiúsculo

 
Copyright © 2016. Cacoal NEWS Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa© Web Sites (69) 9366 7066 WhatsApp | www.dupessoa.com.br