Operação Detalhe - Eles tinham um Plano B, iriam matar o Ex Secretário de Saúde

Enviar no WhatsApp
Em uma revelação bombástica, durante a entrevista coletiva com os representantes da polícia no caso da Operação Detalhe, a participação do policial civil Palácio foi a mais intrigante. De acordo com o Delegado Arismar Araújo, Palácio era a força de coação da organização criminosa que se instalou no executivo e legislativo municipal. 


“O policial era o braço armado da organização. Ele era responsável pela intimidação e existe um outro policial envolvido. Através das gravações e demais materiais recolhidos, vimos que houve o comunicado duas vezes da possibilidade de se fazer uma operação em Cacoal como foi em Buritis, a Operação Perfídia, e isso partiu dele. No dia que antecedeu a operação Detalhe ele fez campana e seguiu os passos da polícia, mas nós estávamos de olho nele”, disse Arismar.


O policial civil Palácio foi preso e em sua posse foram encontradas armas e munições que não condizem com suas funções na polícia. Mas o que mais chamou a atenção foi a revelação do delegado. “Depois de analisarmos os áudios e documentos não tem como entender de outra forma. Eles [a organização chefiada pela Maria Ivani] tinham um ‘plano B’. Iriam ceifar a vida do ex-secretário”, afirmou o delegado responsável.


Ouça na íntegra a negociação do Hospital Municipal feita por Marcos Stecca, Maria Ivani e Márcio Welder


De acordo com Arismar, Palácio teria feito campana na casa de Márcio Welder que reside em Porto Velho. A polícia e o Ministério Público continuará com a segunda fase das investigações e os acusados continuam presos até segunda ordem da justiça. “Outras pessoas podem ser presas, seja pelo apontamento das investigações ou por tentar atrapalhar o rumo da Operação Detalhe”, afirmou o delegado.


Esquema de corrupção desviaria R$ 4,5 Milhões dos cofres públicos de Cacoal



prefeito_cacoal
Fonte: Marcelo Nery
Demais Fotos e Matérias inseridas: Cacoal NEWS

    Opiniões
    Opiniões

0 Comentários:

Postar um comentário

Não aceitamos:

- Agressões e insultos contra autores, outros comentaristas e personagens citados nas colunas e matérias
- Declarações sexistas, xenófobas ou racistas
- Informações falsas
- Propaganda comercial
- Evite digitar em Maiúsculo

 
Copyright © 2016. Cacoal NEWS Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa© Web Sites (69) 9366 7066 WhatsApp | www.dupessoa.com.br