Menu Right

Top Social Icons

Publicidade
Publicidade
73 9 8888 1488
WhatsApp
WhatsApp

23/10/2015

Cabeceiras de pontes são recuperadas em Cacoal

Construções foram danificadas durante as fortes chuvas de 2012. Prazo previsto para conclusão dos serviços vence em maio de 2016.

Os recursos foram liberados para execução de obras nas cabeceiras de pontes danificadas por fortes chuvas ocorridas no ano de 2012, do perímetro urbano de Cacoal (RO), município distante cerca de 480 quilômetros de Porto Velho.

As obras serão feitas em seis localidades em diversos bairros às margens do Rio Pirara. (Foto: Rogério Aderbal)
Cabeceiras de pontes são recuperadas em Cacoal, Ro
A ordem de serviço foi assinada nesta terça-feira (20) pelo prefeito Francesco Vialetto, e a empresa que venceu a licitação deve começar em breve a obra orçada em mais de R$ 2 milhões. O prazo previsto para conclusão dos serviços vence em maio de 2016.

De acordo com o secretário municipal de Obras e Serviços Públicos, Mário Moreira, serão contempladas seis localidades em diversos bairros às margens do Rio Pirara, com os serviços de recuperação de cabeceiras e restruturação das abas e saias (locais por onde entre e sai água).

"Com esses recursos vamos reestruturar as cabeceiras pontes prejudicadas para que não sejam derrubadas, ou formem buracos que prejudiquem a trafegabilidade no local nas próximas chuvas", explicou. Ainda de acordo com o secretário, a empresa responsável pela obra está fazendo um levantamento para definir quais as locais devem ser recuperados primeiro.

Segundo a prefeitura de Cacoal, o recurso no valor de R$ 2.554.390,16, para a execução de obras de reconstrução em locais danificados pelas fortes chuvas ocorridas em 2012, foi liberado pela Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, do Ministério da Integração Nacional, no dia 22 de outubro de 2014.

Nesta data foi publicada no Diário Oficial da União a portaria autorizando o empenho e a transferência de recursos federais para sete cidades de quatro estados: Espírito Santo, Minas Gerais, Rondônia e Santa Catarina. O total liberado ultrapassa R$ 7 milhões. Porém, só agora o município recebeu de fato o dinheiro para o inicio dos serviços.

Rogério Aderbal
Do G1, RO

Copyright © 2016 Cacoal NEWS | Du Pessoa Serviços Digitais.
UNOPAR_CACOAL