Cesta básica aumentou 7,89% nos últimos nove meses em Cacoal

Enviar no WhatsApp
Pesquisa foi realizada por alunos de uma faculdade particular. Itens de cinco supermercados foram analisados.

Os valores investidos na compra de produtos que compõem a cesta básica tiveram um aumento de 7,89% em Cacoal (RO) no período de janeiro a setembro de 2015. De acordo com pesquisa realizada por alunos de ciências econômicas de uma faculdade particular do município, Os itens que mais apresentaram aumento no período foram feijão, óleo, carne de segunda, queijo muçarela e açúcar. Para chegarem ao resultado, itens de cinco supermercados foram analisados.

Cesta básica aumentou 7,89% nos últimos nove meses em Cacoal
Cesta básica aumentou 7,89% nos últimos nove meses em Cacoal
Para a aposentada Nerci de Oliveira, de 73 anos, o preço dos produtos já começou a ser sentido no bolso. Ela mora com mais duas pessoas e chega a fazer compras duas vezes ao mês, o gasto mensal com a aquisição de produtos básicos já ultrapassou R$ 600, e para diminuir esse valor a solução foi fazer pesquisa de mercado antes de efetivar a compra.

"Eu vou sempre a pelo menos dois mercados, pego os folhetos de ofertas e só compro quando comparo os preços, mas mesmo assim os produtos estão muito caros. Mas é uma conta que não tem como deixar de fazer", analisa a aposentada.

O professor universitário Elias Nunes explica que a metodologia de pesquisa adotada pelos acadêmicos foi a de aplicabilidade do menor preço por item. Os alunos pesquisaram 22 itens da categoria alimentação, quatro itens de limpeza e cinco itens de higiene, totalizando 31 componentes. De acordo com os dados da pesquisa, dos 31 produtos da cesta básica de Cacoal, 26 apresentaram aumento nos últimos nove meses.

"O feijão é o item de maior peso na cesta básica, o aumento foi de 40,2% nos últimos meses. A opção para que as pessoas economizem na hora da compra ainda é a pesquisa de mercado e aproveitar a sazonalidade dos produtos que ficam mais em conta com a demanda", sugere o professor.
O valor total da Cesta em dezembro de 2014, considerando o menor valor encontrado para cada um dos 31 itens, era de R$ 353,88. Em setembro de 2015 esse valor passou para R$ 381,80, o que equivale um aumento de 7,89%.

Magda Oliveira
Do G1 RO

    Opiniões
    Opiniões

0 Comentários:

Postar um comentário

Não aceitamos:

- Agressões e insultos contra autores, outros comentaristas e personagens citados nas colunas e matérias
- Declarações sexistas, xenófobas ou racistas
- Informações falsas
- Propaganda comercial
- Evite digitar em Maiúsculo

 
Copyright © 2016. Cacoal NEWS Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa© Web Sites (69) 9366 7066 WhatsApp | www.dupessoa.com.br