Criança de 04 anos morre picada por escorpião e pai tira a própria vida

Enviar no WhatsApp
Uma tragédia familiar foi registrada na Estância Turística de Ibirá (425 km de São Paulo). Segundo informações, o menino José Lucas da Silva de apenas 04 anos morreu depois de ter sido picado por um escorpião e inconformados pai e mãe tomaram veneno. O pai Lucas Sanches Silva de 40 anos acabou não resistindo e morreu. Já a mãe Natália Fernandes Balieiro de 29 anos está internada em estado grave no Hospital de Base em Rio Preto. 

O pai inconformado com a morte do filho tirou a própria vida

De acordo com Cristiano Requena, tio da vítima, a família estava toda reunida na fazenda de Lucas quando o menino reclamou de dor no dedão do pé. Quando os pais perceberam que se tratava de uma picada de escorpião, pegaram a caminhonete e foram até o Hospital de Base. “O acidente foi logo depois do almoço, foi tudo muito rápido. Eles ficaram juntos com o menino no hospital até o momento em que os médicos avisaram que o garoto tinha morrido”, explica o tio da criança. Quando os pais souberam da triste notícia ligaram para alguns parentes comentando que a vida tinha acabado. 

“Eles me ligaram e disseram que não tinha mais sentido de viver e que estava tudo acabado, até tentei acalma-lo, mas ele não me ouviu”, disse um amigo que pediu para não ser identificado. O casal retornou do hospital de Rio Preto para Ibirá e foi encontrado por esse amigo dentro da caminhonete, ambos desacordados. O socorro médico foi acionado e os dois foram encaminhados a Santa Casa de Ibirá. A suspeita é que eles teriam tomado veneno (pesticida). O pai morreu após dar a entrada na Santa Casa e a mãe foi transferida ao Hospital de Base de Rio Preto onde permanece internada em estado grave na UTI da unidade de saúde. O enterro do menino e do pai ocorreu na manhã desta última quarta-feira (04) no Cemitério Municipal de Ibirá.

Repórter Cidades / Plantão Policial
Jerry Mesquita WhatsApp (64) 9297-8263

    Comentar
    Comentar

1 Comentários:

  1. QUAL É O PROBLEMA EM DIGITAR EM LETRAS MAIÚSCULAS? QUE EU SAIBA, NÃO É CRIME. TEM FUNDAMENTO JURÍDICO OU É MAIS UM DESSES" MIMIMIS"?

    ResponderExcluir

Não aceitamos:

- Agressões e insultos contra autores, outros comentaristas e personagens citados nas colunas e matérias
- Declarações sexistas, xenófobas ou racistas
- Informações falsas
- Propaganda comercial
- Evite digitar em Maiúsculo

 
Copyright © 2016. Cacoal NEWS Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa© Web Sites (69) 9366 7066 WhatsApp | www.dupessoa.com.br