Hospital de Emergência de Cacoal recebe elogio do Ministro da Saúde

Enviar no WhatsApp
Vocês devem ter orgulho desta obra. Não é comum encontrar um igual em todo o país

Hospital Estadual de Urgência e Emergência (Heuro) de Cacoal vai ajudar a desafoga o Pronto socorro João Paulo II, na capital.

Surpreendido com estrutura do Hospital Estadual de Urgência e Emergência (Heuro) de Cacoal, que foi inaugurado, na manhã desta sexta-feira (11), o ministro da Saúde Marcelo Castro disse que a unidade é exemplo para o país, pois compartilha serviços entre os governos municipal, estadual e federal. O Heuro vai atender a região centro-sul de Rondônia. Segundo Castro, o governador Confúcio Mura foi ousado e determinado ao adotar o formato que regionaliza a saúde em Rondônia.



O Heuro, segundo o ministro, é um exemplo de como deve ser gerida a saúde no país. “Vocês devem ter orgulho desta obra. Não é comum encontrar um igual em todo o país”, discursou.



A inauguração do hospital levou para Cacoal lideranças de vários segmentos. Estavam presentes prefeitos da região, indígenas, representantes da  classe médica e parlamentares. Nos discursos, os registros de gratidão ao governador Confúcio Moura foram comuns.



O governador anunciou que as ações para melhorar a saúde em Rondônia continuarão e citou, entre elas, a construção de uma policlínica especializada em Cacoal, reforma no Centro de Medicina Tropical (Cemetron), em Porto Velho. Ele ainda pediu ajuda aos parlamentares para que continuem destinando recursos para o setor.



Em outra parte do discurso, Confúcio defendeu a união de toda a sociedade para evitar que a crise econômica afete Rondônia e fez uma convocação: “vamos trabalhar mais, produzir mais para superar as diversidades”.



Ministro 

O Heuro, segundo o ministro da Saúde Marcos Castro, é um exemplo de como deve ser gerida a saúde no país

RACIOCÍNIO

Ao secretário estadual da Saúde, Wiliames Pimentel, o ministrou deixou um elogio. Disse que trata-se de um profissional com raciocínio lógico, que tem conhecimento de causa e espírito empreendedor. Marcelo Castro referiu-se ao prefeito Franco Vialetto como um personagem que lutou muito para realizar um sonho, a construção do Hospital Daniel Comboni, onde funciona agora o Heuro.



O Heuro de Cacoal divide o estado em duas macro regiões para o atendimento de urgência e emergência médica. A partir de agora, os pacientes que se encaixam nas definições de urgência e emergência serão encaminhados para a unidade de Cacoal. Até agora, todo o fluxo era direcionado para Pronto-Socorro João Paulo II, em Porto Velho, que foi inaugurado em 1984 com 50 leitos e conta, atualmente, com 152. A capital é a sede da segunda macro região de saúde.

O Heuro Cacoal tem estrutura moderna, com 79 leitos de internação, serviço de traumatologia, ortopedia, clínica geral e oncologia, além de apoio de diagnóstico laboratorial e por imagem de tomografia, raios-X digital. Em pouco tempo também contará com ressonância magnética. Conta também com quatro centros de cirurgia geral, ortopédica, neurocirurgia e ainda o  serviço de hemodinâmica.

COMODATO

Após a inauguração, as salas passaram por desinfecção e, imediatamente, foi iniciada a transferência dos pacientes de urgência e emergência que estavam na área do Hospital Daniel Comboni, que continua funcionando no mesmo complexo onde está o Heuro.



Originariamente, o prédio onde está o Heuro Cacoal pertence à Associação Daniel Comboni e foi cedido em regime de comodato ao governo de Rondônia por 30 anos, renováveis por mais 30 de acordo com interesse do estado. Para consolidar a parceria o estado investiu cerca de R$ 5 milhões na estrutura das edificações e equipamentos, que são de alta tecnologia.

A estratégia governamental está focada na diminuição da concentração de serviços na capital, e, também, fortalecer a regionalização da saúde, favorecendo ao usuário do Sistema Único de Saúde (SUS) o atendimento mais próximo de sua residência.



Para minimizar o déficit pelo serviço, o governo de Rondônia criou a Macro Região II, e nela o Heuro Cacoal, que passa a ser referência para mais de 700 mil habitantes da área compreendida entre os municípios de Ji-Paraná e Vilhena, além do Vale do Guaporé.

Parlamentares, como o senador Valdir Raupp e o deputado federal Nilton Capixaba, reiteraram durante a inauguração que continuarão direcionando recursos para fortalecer a saúde em Cacoal. Também discursaram elogiando o governador pela iniciativa o a deputada federal Marinha Raupp, o deputado estadual Maurão de Carvalho, presidente da Assembleia Legislativa, além do prefeito Padre Franco. Este, destacou a gratidão ao governador e, também, a voluntários que trabalharam no Hospital Daniel Comboni.
Veja galeria de fotos

Texto: Nonato Cruz
Fotos: Ésio Mendes
Secom - Governo de Rondônia

    Opiniões
    Opiniões

0 Comentários:

Postar um comentário

Não aceitamos:

- Agressões e insultos contra autores, outros comentaristas e personagens citados nas colunas e matérias
- Declarações sexistas, xenófobas ou racistas
- Informações falsas
- Propaganda comercial
- Evite digitar em Maiúsculo

 
Copyright © 2016. Cacoal NEWS Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa© Web Sites (69) 9366 7066 WhatsApp | www.dupessoa.com.br