Mãe estrangula filho de 3 anos e manda vídeo no WhatsApp do Pai

Enviar no WhatsApp
Um vídeo, gravado por uma “mãe” (se é que se pode chama-la assim) e que circula no WhatsApp desde domingo (27), mostra a crueldade que fez com o próprio filho, de 2 anos, no bairro de Campo de Santana, em Curitiba. 


Polícia está na cola de mulher que estrangula criança em vídeo

Segundo informações, ainda não confirmadas pela polícia, a mãe monstro teria sequestrado o filho, que mora com o pai, após entrar na casa do ex com dois homens armados. Depois de levar o garoto, a mulher fez um vídeo estrangulando o menino, que chega a pedir socorro para ela mesma. “Mamãe, mamãe”, esboça gritar o garoto, que sequer consegue falar e tem até ânsia devido ao estrangulamento.


O pai, Paulo Braz Machado, contou que ela lhe enviou os vídeos torturando a criança para que retomassem o relacionamento. 


O Sequestro
A mãe monstro foi presa na tarde de hoje (28), e para a polícia, disse que tudo não passou de uma "brincadeira". Já a família paterna, acredita que ela fez as imagens para chantagear o pai da criança.



Mãe se apresenta a Delegacia e diz que tudo não passou de uma brincadeira

Thays Caroline Chaves, 21 anos, se apresentou na tarde desta segunda-feira (28) no Núcleo de Proteção à Criança e ao Adolescente Vítimas de Crimes (NUCRIA). Pesa contra ela as fortes acusações, comprovadas em vídeos, de tortura praticada contra o próprio filho, uma criança de apenas três anos.




Acompanhada de seu pai, irmã, a tia da criança e um advogado, Thays se apresentou espontaneamente e relatou que tudo não passou de brincadeira.

Acompanhada de seu pai, irmã, a tia da criança e um advogado, Thays se apresentou espontaneamente e relatou que tudo não passou de brincadeira. Vários familiares e amigos tanto da jovem, quanto do pai dela criança, ja estão na Delegacia acompanhando o desenrolar da situação. 

A agressora presta depoimentos à Delegacia Lucky Santiago e é assistida por um psicólogo do Núcleo. O Conselho Tutelar também está presente e a criança já está em um local seguro. O caso que gerou indignação à todos que assistiram o vídeo viralizou nas redes sociais.

    Opiniões
    Opiniões

0 Comentários:

Postar um comentário

Não aceitamos:

- Agressões e insultos contra autores, outros comentaristas e personagens citados nas colunas e matérias
- Declarações sexistas, xenófobas ou racistas
- Informações falsas
- Propaganda comercial
- Evite digitar em Maiúsculo

 
Copyright © 2016. Cacoal NEWS Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa© Web Sites (69) 9366 7066 WhatsApp | www.dupessoa.com.br