Avião que trazia presidente Dilma quase cai após passar por turbulência no Acre

Enviar no WhatsApp
O voo presidencial que trazia a presidente Dilma Rousseff, ministros e assessores, sofreu uma forte turbulência quando passava entre o Acre e o Amazonas, na tarde da última quarta-feira, vindo do Equador. A petista e sua comitiva voltavam da cúpula da Comunidade de Estados Latino-Americanos e Caribenhos (Celac), no avião presidencial, um Airbus A319, quando enfrentou uma forte e inesperada turbulência, caindo cerca de cem metros. O relato foi feito pela repórter Fernanda Krakovics, na edição deste sábado do jornal O Globo. 


De acordo com a jornalista, “o assessor especial Marco Aurélio Garcia tomou um banho de vinho e uma ajudante de ordens, que estava em pé, bateu com a cabeça no teto. Pratos caíram no chão no fundo da aeronave. Segundo passageiros, ninguém se machucou. Ninguém se machucou. O ministro Armando Monteiro (Desenvolvimento) também estava no estava no avião. 


Fonte: Ac 24horas

    Opiniões
    Opiniões

0 Comentários:

Postar um comentário

Não aceitamos:

- Agressões e insultos contra autores, outros comentaristas e personagens citados nas colunas e matérias
- Declarações sexistas, xenófobas ou racistas
- Informações falsas
- Propaganda comercial
- Evite digitar em Maiúsculo

 
Copyright © 2016. Cacoal NEWS Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa© Web Sites (69) 9366 7066 WhatsApp | www.dupessoa.com.br