Cacoal realiza primeira captação de órgãos para transplante

Enviar no WhatsApp
Para o sucesso das cirurgias de captação de órgãos no interior, quem também tem sido fundamental no processo é o Corpo de Bombeiros

Na última semana, dois pacientes foram diagnosticados com morte encefálica (ME) no Hospital Regional de Cacoal. Em um dos casos, a família autorizou a doação dos órgãos e, assim, no dia 13 de fevereiro, aconteceu em Cacoal a primeira cirurgia de captação de órgãos para transplante em Rondônia de 2016.


O serviço de captação de órgãos no município teve início em setembro de 2013. Dos 19 pacientes com ME comprovados desde então, houve 12 recusas por parte da família e apenas sete doações foram feitas. “Nós já tivemos, neste ano de 2016, dois casos diagnosticados em Cacoal e em um deles a família autorizou a doação de órgãos. Precisamos que a família, apesar da dor, entenda a importância de permitir a doação e contribuir para que outras pessoas tenham condições melhores de vida”, explicou o médico Alber Pessoa de Figueiredo.



Foram captados os rins do paciente, que no mesmo dia foram transportados para Porto Velho e foram transplantados em dois pacientes, um de Vilhena e outro da capital. “Rondônia já evoluiu e muito na captação e transplantes de órgãos. Até 2011, esse serviço não existia no estado. Começamos fazendo as cirurgias de captação e depois começamos a transplantar os órgãos aqui mesmo em Rondônia”, ressaltou o médico Alessandro Prudente.

Apoio

Para o sucesso das cirurgias de captação de órgãos no interior do estado, quem também tem sido fundamental no processo é o Corpo de Bombeiros de Rondônia. São as aeronaves da corporação que fazem o transporte dos médicos para os municípios onde os órgãos serão captados e que, posteriormente, transportam os órgãos para Porto Velho, onde são feitos os transplantes.


No último sábado, o tenente Cordeiro e a capitã Cristina, do Corpo de Bombeiros de Rondônia, pilotaram o avião monomotor da corporação para o sucesso dos procedimentos. Por volta das 8h30 da manhã, eles aterrissaram em Cacoal trazendo os médicos e a equipe que fariam a cirurgia de captação de órgãos e, antes das 14 horas, decolaram com destino à Porto Velho, levando de volta a equipe e transportando os órgãos, que foram transplantados ainda no mesmo dia.



“Sem o apoio do Corpo de Bombeiros de Rondônia nós não teríamos o mesmo sucesso. Este trabalho é feito com muita dedicação e os bombeiros tem sempre feito a sua parte e contribuído com este serviço”, destacou o médico Alessandro Prudente.


Fonte: Giliane Perin/Secom-RO

    Opiniões
    Opiniões

0 Comentários:

Postar um comentário

Não aceitamos:

- Agressões e insultos contra autores, outros comentaristas e personagens citados nas colunas e matérias
- Declarações sexistas, xenófobas ou racistas
- Informações falsas
- Propaganda comercial
- Evite digitar em Maiúsculo

 
Copyright © 2016. Cacoal NEWS Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa© Web Sites (69) 9366 7066 WhatsApp | www.dupessoa.com.br