Homem é executado com tiro na nuca dentro do carro em frente Igreja Assembléia em Cacoal

Enviar no WhatsApp
Ainda não há informações sobre a autoria e motivação do crime

Um homem identificado como Valdecir Paes, 51 anos, foi executado com um disparo de arma de fogo na região da nuca por volta das 21h15 horas do último domingo, 24 de Julho, em frente a uma Igreja Assembléia de Deus, na Rua Antônio de Paula Nunes no centro de Cacoal.


De acordo com as primeiras informações sobre o caso colhidas no local, a vítima estava em um culto na na Igreja Assembléia de Deus Madureira, localizada na região central do município, quando após receber uma ligação, o homem saiu da igreja e acabou se dirigindo ao seu carro. Testemunhas afirmam que Valdecir teria entrando no veículo com outro homem, e que após a discussão, houve o disparo de arma de fogo dentro do veículo, por um elemento ainda não identificado que efetuou o disparo a queima roupa contra a cabeça da vítima.


Ainda segundo no local, testemunhas teriam visto que o autor do disparo teria retirado algo do porta malas do veículo e empreendido fuga em uma motocicleta NXR Bros de cor laranja dizendo em alto e bom som – “Mexeu com mulher casada”. O assassino tem as características de um homem de cor clara e estatura mediana.


Para a polícia, as primeiras impressões dão conta de que o autor do disparo estaria no banco traseiro do carro e atirou na vítima próximo a nuca. Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi acionada, e rapidamente compareceu ao local, mas só restava realizar a constatação da morte da vítima. Com a presença de um bilhete encontrado no interior do veículo, a PM trabalha com a hipótese de crime passional, mas não descarta a possibilidade de tal evidência ter sido plantada apenas para despistar o crime.

Durante os procedimentos iniciais, localizaram sobre as pernas da vítima um bilhete com os seguintes dizeres - “Nunca Mais Você Mexe Com Mulher de Homem”. Ainda não há maiores informações sobre a autoria do crime, mesmo após um amplo e rápido patrulhamento realizado pela Polícia Militar de Cacoal, a PM não identificou nenhum suspeito pela execução até o momento.



Fonte Cacoal NEWS
Matéria Eduardo Pessoa


    Opiniões
    Opiniões

0 Comentários:

Postar um comentário

Não aceitamos:

- Agressões e insultos contra autores, outros comentaristas e personagens citados nas colunas e matérias
- Declarações sexistas, xenófobas ou racistas
- Informações falsas
- Propaganda comercial
- Evite digitar em Maiúsculo

 
Copyright © 2016. Cacoal NEWS Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa© Web Sites (69) 9366 7066 WhatsApp | www.dupessoa.com.br