Dançarina perde 30 kg com exercícios para aguentar ensaios de quadrilha

Enviar no WhatsApp
Pesando 106 kg, Yara mudou não só o manequim, mas a sua história dentro a agremiação que faz parte, além de melhorar a resistência na dança

Pesando 106 kg, a transgênero Yara Lemos encontrou na dança a mudança de vida. Integrante de uma quadrilha de Porto Velho há 11 anos, por perceber que não conseguia acompanhar o ritmo dos brincantes, resolveu mudar de alimentação e hábitos. Com exercícios e acompanhamento de profissionais, perdeu 30 kg, além de realizar um grande sonho, passar a dançar como dama. 

Yara Lemos aderiu exercícios para perder peso (Foto: Lívia Costa)

Yara conta que no início da carreira dançava como cavalheiro, pois não atinha condicionamento para aguentar o peso das roupas e acessórios, e mesmo com a facilidade de pegar a coreografia, a pouca resistência era o maior desafio. Depois de muitas orientações, resolveu procurar ajuda. A reeducação alimentar unida aos exercícios diários ajudaram na eliminação do peso e a chegar no corpo que desejava, para finalmente poder dançar como dama. 

Yara perdeu 30 kg para realizar sonho na quadrilha (Foto: Yara Lemos/ Arquivo pessoal)Após essa mudança, em 2015 Yara foi uma das personagens principais dos espetáculos, e para 2016, ela ocupa a posição mais almejada, a Dama da quadrilha.

- Sempre sonhei em dançar como Dama, entrei na quadrilha para isso, mas devido as limitações que tinha, nunca havia conseguido, e diante de toda essa minha mudança, consegui conquistar meu sonho.  

Personal Helton França comenta que Yara é motivação para as outras pessoas, e relembra que muitos desacreditavam, mas após os primeiros resultados começaram a se inspirar na dançarina. - Quando ela chegou na academia, muitos não acreditaram no foco, mas no decorrer do tempo, quando os primeiros resultados começaram aparecer, foi uma grande surpresa, inspirando outras pessoas que malhavam junto a ela. Sem dúvida ela é referência e prova de que tudo é possível quando se tem disciplina e dedicação.

Yara treina três horas diárias de segunda a sexta-feira, além dos ensaios diários para a apresentação no Flor do Maracujá, evento folclórico da cidade. Todo esse preparo tem mantido o ritmo de vida agitado e motivado a dançarina a buscar novos desafios.

Yara Lemos foi destaque na quadrilha em 2015 (Foto: Yara Lemos/ Arquivo pessoal)- Esse ritmo de treino me motiva a buscar novos desafios, estou no peso que sempre quis e quero melhorar ainda mais. Depois que comecei a perceber o quanto minha saúde era frágil e eu era limitada, foquei em meu objetivo e hoje estou aqui, vivendo a melhor fase da minha vida. Para manter a saúde em dia, a dançarina conta que o importante é acreditar nos sonhos, e lutar com todas as forças para torná-los reais.

- Sonhei e lutei muito, é uma vida de renuncias, mas quando vou ao médico e vejo que minha saúde está bem, ou quando entro na arena e mostro aquilo que sei fazer de melhor, levando para minha quadrilha o brilho e a leveza da verdadeira dança, nada se compara – finaliza emocionada.

Por Lívia Costa
Porto Velho

    Opiniões
    Opiniões

0 Comentários:

Postar um comentário

Não aceitamos:

- Agressões e insultos contra autores, outros comentaristas e personagens citados nas colunas e matérias
- Declarações sexistas, xenófobas ou racistas
- Informações falsas
- Propaganda comercial
- Evite digitar em Maiúsculo

 
Copyright © 2016. Cacoal NEWS Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa© Web Sites (69) 9366 7066 WhatsApp | www.dupessoa.com.br