Polícia prende suspeito de matar corretora de imóveis a facadas em Cacoal

Enviar no WhatsApp
Suspeito confessou o crime durante interrogatório, segundo polícia. Jovem está preso e vai responder pelo crime de latrocínio consumado.

A Polícia Civil de Cacoal (RO), município a 480 quilômetros de Porto Velho, divulgou na manhã desta sexta-feira (02) a prisão de um homem de 21 anos suspeito de ter matado uma corretora de imóveis de 35 anos no dia 9 de julho, no escritório onde a mulher trabalhava. Segundo a polícia, o jovem preso na última quarta-feira (31) confessou o crime e disse que foi ao local para roubar, mas como a vítima reagiu, resolveu matá-la com golpes de faca.

Polícia prende suspeito de matar corretora de imóveis a facadas em Cacoal

A polícia chegou ao jovem após investigações do caso, onde foram analisadas as imagens das câmeras de segurança do local do crime, localizado no Bairro Green Ville, além de uma chamada telefônica realizada pelo suspeito para um outro corretor de imóveis que trabalhava com a vítima. Durante entrevista coletiva realizada na manhã desta sexta-feira, o delegado regional de Polícia Civil Arismar Araújo contou que o suspeito já havia assaltado o escritório onde a corretora trabalhava no dia 9 de maio. Na ocasião, ele teria roubado R$ 1,1 mil e utilizado um canivete para ameaçar a vítima, além de um capacete de viseira escura para esconder o rosto.

Polícia prende suspeito de matar corretora de imóveis a facadas em Cacoal

"O suspeito foi ao escritório pela primeira vez no dia 7 de maio, acompanhando a irmã e o pai que queriam comprar um terreno. Nesse dia, ele observou o local e constatou que seria fácil roubar. Na segunda vez [no dia 09 de maio], foi para assaltar e, para isso, utilizou um canivete e ameaçou a vítima, que não reagiu e entregou o dinheiro sentada atrás de sua mesa", disse o delegado.

Polícia prende suspeito de matar corretora de imóveis a facadas em Cacoal

Segundo a polícia, dois meses depois, o suspeito decidiu roubar o local novamente. No dia 7 de julho, o homem foi até o escritório, pegou o contato de outro corretor e se informou sobre o horário de almoço do profissional. Ele havia dito que um tio estava interessado em comprar um terreno. No dia 9 de julho, o suspeito se armou com uma faca de cozinha de aproximadamente 20 centímetros de comprimento e voltou ao escritório.

Polícia prende suspeito de matar corretora de imóveis a facadas em Cacoal

"Durante o interrogatório, ele [o suspeito] contou que foi utilizando um capacete tipo 'coquinho', que deixava o rosto à mostra. A porta estava aberta e então foi logo entrando. A vítima continuou sentada, ele parou na frente da mesa e disse que era um assalto. A mulher se levantou e disse que não tinha dinheiro, então foi até a frente da mesa e o empurrou. Nesse momento, ele [o suspeito] deu a primeira facada que atingiu a barriga [da vítima]", relatou o delegado.

Polícia prende suspeito de matar corretora de imóveis a facadas em Cacoal

Após o primeiro golpe, a vítima continuou reagindo e o suspeito não parou de golpear. "Ele diz que não sabe quantas facadas deu nela, mas só parou quando chegaram ao banheiro do escritório, quando ela caiu próximo à privada e ele conseguiu tirar o braço dela que estava o segurando", contou o delegado. No dia do crime, embora o suspeito tivesse ido ao local com a intenção de assaltar, como ele mesmo confessou, nada foi roubado.

As roupas, o capacete e a motocicleta utilizada pelo jovem no dia do crime foram apreendidas. O homem está preso no minipresídio de Cacoal e vai responder pelo crime de latrocínio consumado, onde a pena pode chegar a 30 anos de prisão.

Magda Oliveira
Do G1 Cacoal e Zona da Mata

    Opiniões
    Opiniões

0 Comentários:

Postar um comentário

Não aceitamos:

- Agressões e insultos contra autores, outros comentaristas e personagens citados nas colunas e matérias
- Declarações sexistas, xenófobas ou racistas
- Informações falsas
- Propaganda comercial
- Evite digitar em Maiúsculo

 
Copyright © 2016. Cacoal NEWS Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa© Web Sites (69) 9366 7066 WhatsApp | www.dupessoa.com.br