Menu Right

Top Social Icons

Publicidade
Publicidade
73 9 8888 1488
WhatsApp
WhatsApp

30/05/2017

Suspeito confessa que executou taxista de Cacoal por causa de dívida mas PM acredita em acerto de contas

Suspeitos de ter assassinado o Taxista Cleomir Geraldo Sartorio, mais conhecido como “Ganço”, de 45 anos de idade, já estão presos. Os assassinos chegaram conduzindo uma camionete modelo S-10, após praticarem o crime, fugiu tomando rumo ignorado. O homicídio ocorreu na manhã desta segunda-feira (29) na Av. Sete de Setembro, esquina com a Rua Dr. Valter Nunes de Almeida, em frente a um supermercado na cidade de Cacoal.



Os policiais em uma varredura pelas ruas e avenidas da cidade, se depararam com a camionete suspeita, ao abordar, os PM’s encontraram um revólver calibre 38, uma grande quantia em dinheiro e alguns aparelhos celulares. Os suspeitos foram identificados como Elizeu de Oliveira Teixeira, de 44 anos e Obadias Zacarias dos Santos, de 27 anos de idade.


Suspeito confessa que matou taxista por causa de dívida; PM acredita em acerto de contas

Obadias confessou para os policiais que matou o taxista e admitiu ser o dono da arma, segundo o mesmo, ele vendeu um carro ao taxista e o mesmo estaria se recusando a pagar a dívida. Mais dois suspeitos que estavam na camionete foi conduzidos para a delegacia pela participação direta no crime.


Acerto de contas? Taxista de Ministro Andreazza executado em Cacoal respondia acusação de homicídio de outro taxista

A Polícia Militar não acredita na versão de Obadias, segundo os policiais, eles acreditam que seja um acerto de contas, pois segundo a PM, Cleomir Sartorio residia em Ministro Andreazza/RO e estava sendo investigado por outro homicídio, ocorrido no ano passado, onde a vítima também era taxista da mesma cidade.


Acerto de contas? Taxista de Ministro Andreazza executado em Cacoal respondia acusação de homicídio de outro taxista

Alerta Rondônia
Da Redação

Copyright © 2016 Cacoal NEWS | Du Pessoa Serviços Digitais.
CACOAL_NEWS