Menu Right

Top Social Icons

Slider Area 1

Slider Area 2

Slider Area 3

Responsive Full Width Ad

Destaques

Polícial

Notícias Recentes

Saúde

Destaques

Eleições 2018

Ji-Paraná

Rolim de Moura

Porto Velho

Interior

Odebrecht

Lava Jato

24/07/2018

Dr.° Lawrence Machado, da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica estará atendendo em Cacoal!

Dr.° Lawrence Machado (membro SBCP, Crmro 2168, Rqe 1344) atenderá na Clínica Berno Center, confira a agenda do doutor logo mais no final deste post. O endereço fica localizado na Rua Antônio de Paula Nunes, Número 1685, Centro. Telefone pra contato (69) 3441 8126, vagas limitadas! Agende já a sua consulta! Curta e siga a Página do Doutor no Facebook.




Na Clínica Lawrence Machado Cirurgia Plástica, atráves do Complexo Hospitalar Clínica Berno Center, o atendimento é personalizado e dentro dos rigores de segurança. Realizam-se cirurgias plásticas estéticas e reparadoras, tratamentos estéticos como Botox, preenchimentos cutâneos, MD Codes, tratamentos com ultrassom e radiofrequência, de última geração, para gordura localizada, celulite, flacidez de pele, estrias e muito mais. 

24/07 Em Cacoal, na Clínica Berno Center

Endereço: 1685, R. Antônio de Paula Nunes - Centro, Cacoal - RO, 76963-784
Horário: Aberto ⋅ Fecha às 19:00
Telefone: (69) 3441-8126

Da Redação
Cacoal NEWS

19/07/2018

Juiz nega suspensão de operação de carbonizadora no Riozinho

“Eliminar precocemente o debate, determinando o fechamento de empresas que querem atuar na incineração de resíduos sólidos, sem qualquer oportunidade de oitiva de seus argumentos, é medida evidentemente ilegal e antidemocrática. Guardadas as óbvias proporções, seria o mesmo que proibir Christian Barnard de realizar um transplante de coração, sob o fundamento de que aquela técnica não era utilizada e aceita pelos conselhos de medicina!! Até hoje não estariam sendo realizados transplantes!”[Sic]. O trecho acima foi transcrito de decisão do Juiz de Direito, Mário José Milani, da 4ª Vara Cível de Cacoal, ao negar pedido do Ministério Público para que as certidões municipais e licenças concedidas pela Secretaria Estadual de Desenvolvimento Ambiental (Sedam) para a instalação da empresa Riozinho Indústria de Tratamento e Transformação de Resíduos Ltda. fossem suspensas.  

Juiz nega suspensão de operação de carbonizadora no Riozinho

Na decisão o Juiz diz ainda que não existem elementos suficientes para afirmar que os servidores do Estado ou do Município teriam praticado atos ilícitos para que as certidões e licenças fossem suspensas. No mesmo sentido, diz que a análise do Ministério Público sobre a empresa de carbonização de resíduos não pode ser considerada a mais fidedigna e tecnicamente correta, para que haja a suspensão. 

“Até pela gravidade das acusações trazidas a lume, indefiro a inversão do ônus da prova, pois incabível se obrigar alguém a provar que praticou ilícitos”, diz parte final da decisão.

Da Redação
Colaboração

Decisão judicial remove entrave e Cacoal será pioneiro no país em gerar energia com lixo

Todo o problema está na dificuldade de entender a diferença entre duas palavras: incinerar e carbonizar. Enquanto a primeira todo mundo entende como simplesmente queimar algo, a segunda já remete a uma tecnologia capaz de transformar algo em carvão, sem queimar. Logo, sem gerar poluição ou outros problemas.

Decisão judicial remove entrave e Cacoal será pioneiro no país em gerar energia com lixo

Foi assim que o juiz Mário José Milani e Silva tomou uma decisão que pode colocar o distrito de Riozinho, em Cacoal, em uma posição de destaque em todo o Brasil. Ao negar uma ação do Ministério Público Estadual (MP), que pedia a cassação das licenças ambientais de uma usina de pirólise/carbonização de Riozinho, garante a legalidade da implantação de uma tecnologia sustentável e ecologicamente correta para tratar o lixo de Cacoal e região.

Milani e Silva, baseando-se no artigo 5º da Constituição Federal, asseverou: “Ninguém será obrigado a fazer ou deixar de fazer alguma coisa senão em virtude da lei.”
E prosseguiu: “O artigo 170 de nossa Lei Magna é taxativa ao assegurar a defesa do meio ambiente e, simultaneamente, a valorização do trabalho, a livre concorrência, assegurando a todos o livre exercício de qualquer atividade econômica, independentemente de autorização de órgãos públicos, salvo nos casos previstos em lei”.

Parceria

Para o juiz, ficou claro que a tecnologia que está sendo implantada em Cacoal vai atender todas as necessidades do município no trato de um dos maiores problemas da atualidade: onde enfiar o lixo que estamos produzindo.

A usina vai atuar em parceria com os catadores e recicladores de lixo e também com indústrias da região. Todo o lixo gerado em Cacoal e região vai continuar passando primeiramente pelo trato dos recicladores. O que for realmente descartável, será carbonizado na usina.

O processo, que impede a queima e a emissão de gases poluentes, vai transformar lixo em carvão de grande potencial de queima (calorífico). O que sobrar de todo esse processo, vai ser destinado aos aterros sanitários.

Suposições

Na hipótese dos autos, a atividade desenvolvida pela empresa requerida não é ilícita ou proibida em lei, o que já afasta o seu fechamento arbitrário e sumário sem o respeito ao devido processo legal e ao contraditório.

A ação do MP baseava-se em suposições de que a atividade de carbonização – equivocadamente tratada como incineração – poderia causar danos ambientais, uma vez que, segundo a promotoria ambiental em Cacoal, não havia outra unidade como essa em funcionamento no país, para que os parâmetros fossem avaliados.

Transplantes

Mas o juiz Mário José Milani e Silva entendeu que “Eliminar precocemente o debate, determinando o fechamento de empresas que querem atuar na incineração de resíduos sólidos, sem qualquer oportunidade de oitiva de seus argumentos, é medida evidentemente ilegal e antidemocrática.

E acrescentou: “Guardadas às óbvias proporções, seria o mesmo que proibir Christian Barnard de realizar um transplante de coração sob o fundamento de que aquela técnica não era utilizada e aceita pelos conselhos de medicina!! Até hoje não estariam sendo realizados transplantes! “ .

Com a decisão judicial, a empresa retoma as obras no local

Quando estiver em operação, a usina deverá gerar uma economia em torno de R$ 1,5 milhão, ao ano para Cacoal, apenas com a destinação final dos resíduos, além de gerar impostos ao município, com a comercialização do carvão e outros derivados. Com a proposta de gerar, inicialmente, 30 empregos diretos em Riozinho, a usina de tratamento térmico, é, segundo especialistas, o que há de mais moderno, eficaz e viável para o meio ambiente, os municípios e para a população, no mundo.

Pesquisas

De acordo com o professor Edson Tomaz, diretor da Faculdade de Engenharia Química da Unicamp (como mostrou o Madeirão na edição de 30 de junho): “A pirólise/carbonização apresenta um grande potencial no tratamento de resíduos. Trata-se de um processo térmico, de impacto ambiental bem menor do que a incineração, pois as formações de dioxinas, furanos e óxidos de nitrogênio não são favorecidas. Além disso, como o processo se dá a temperaturas menores do que na incineração, a formação de material particulado contendo metais é desfavorecida”.


Da Redação

Madeirão Web

17/07/2018

Falta de informação de tecnologia pesquisada há anos no país é base de ação que ameaça deixar Cacoal no atraso

Ação do MP pode gerar prejuízo anual de R$ 1,5 milhão e inviabilizar dezenas de empregos para Riozinho. 

O distrito de Riozinho, em Cacoal está prestes a se transformar em um dos primeiros polos no país a fazer o tratamento de lixo através de uma tecnologia chamada de pirólise-carbonização. O sistema vai transformar lixo em carvão, que poderá ser utilizado em indústrias. No entanto, uma ação do Ministério Público Estadual pode interromper esse processo baseado apenas em falta de informação.


Autoridades visitam usina de carbonização de lixo em Cacoal e conferem tecnologia ecológica de ponta

Com a proposta de gerar, inicialmente, 30 empregos diretos em Riozinho, a usina de tratamento térmico, é, segundo especialistas, o que há de mais moderno, eficaz e viável para o meio ambiente, os municípios e para a população, no mundo.

Acontece que a promotora de justiça Valéria Canestrini, do MPE, pede, em sua ação, a suspensão de todas as licenças para o empreendimento. A sua justificativa: “Não há outra usina como essa em funcionamento no país. Por isso não temos parâmetros para medição da emissão de poluentes”.

Na verdade, a usina de Riozinho deve ser a primeira implantada no país. Uma segunda, em Caxias, no Rio Grande do Sul, já está em fase de construção, e outras duas – em Goiás e Minas Gerais – estão em fase de negociação.

Google

Foram necessários 10 minutos de pesquisa no Google para que a reportagem encontrasse o telefone de um núcleo de pesquisa sobre pirólise e carbonização em uma das mais renomadas universidades do Brasil, a Unicamp.

Na universidade, foram feitas experiências durante anos com o sistema, assim como uma usina da mesma tecnologia funcionou em Unaí (MG), sem nenhum tipo de problema. Todas fizeram o que para muitos parece ser mágica: transformaram lixo em energia limpa.

Experiências

De acordo com o professor Edson Tomaz, diretor da Faculdade de Engenharia Química da Unicamp, em entrevista publicada em 2015, quando a usina da universidade estava em funcionamento, “A pirólise, por sua vez, apresenta um grande potencial no tratamento de resíduos. Trata-se de um processo térmico, mas de impacto ambiental bem menor do que a incineração, pois as formações de dioxinas, furanos e óxidos de nitrogênio não são favorecidas. Além disso, como o processo se dá a temperaturas menores do que na incineração, a formação de material particulado contendo metais é desfavorecida”.


Segurança

Além de destacar a segurança do processo e a produção de carvão para geração de energia, o professor Edson Tomaz ressalta ainda que outros resíduos resultantes do processo ainda podem ter mais utilidade: “Deve-se complementar ainda, que o resíduo sólido remanescente para alguns resíduos processados apresenta potencial de uso agrícola como fonte de nutrientes, que pode ser uma pesquisa adicional”.

Diante das informações que estão disponíveis para qualquer um na internet, fica claro que a ação do MPE está mais baseada em ilações e dúvidas mal resolvidas do que em pesquisa. A promotora alega que se fundamenta no princípio da precaução, sem se dar conta que as dúvidas que ela tem, já foram respondidas há anos por uma das instituições de pesquisa mais conceituada no Brasil: a Unicamp.

Economia

Quando estiver em operação, a usina irá gerar uma economia em torno de R$ 1,5 milhão, ao ano para Cacoal, apenas com a destinação final dos resíduos, além de gerar impostos o município, com a comercialização do carvão e outros derivados.

O julgamento dessa ação coloca em pauta duas situações. A primeira, vai definir se Cacoal se posiciona na vanguarda da tecnologia de tratamento de resíduos sólidos no país, com expressivos ganhos ambientais, sociais e econômicos, ou se continuará pagando uma dos preços mais caros do Brasil, quando se trata de destinação final de resíduos sólidos. Em segundo lugar, está em jogo a valorização de pesquisas desenvolvidas aqui mesmo no país. Será que Rondônia quer andar para trás e negar o acesso ao conhecimento?

Da Redação 
Madeirão Web

Autoridades visitam usina de carbonização de lixo em Cacoal e conferem tecnologia

O empreendimento, que utiliza tecnologia de ponta, investiu R$ 10 milhões na unidade e vai gerar 30 empregos direitos no distrito de Riozinho, no município.

A prefeita de Cacoal, Glaucione Rodrigues (MDB), a maioria absoluta dos vereadores do município, técnicos da Secretaria de estado do Meio Ambiente (Sedam), engenheiros, técnicos e acadêmicos de cursos de engenharia ambiental, visitaram, na manhã desta terça-feira (26), a usina de tratamento térmico de resíduos sólidos urbanos, no distrito de Riozinho, em Cacoal.

Autoridades visitam usina de carbonização de lixo em Cacoal e conferem tecnologia

O objetivo da visita foi o de apresentar a tecnologia, que embora exista há 10 mil anos, e conta com 700 unidades ao redor do mundo, ainda é pouco difundida no Brasil. Como tudo o que é novo causa medo, ou no mínimo receio, na semana passada, a prefeita Glaucione suspendeu a licença de mananciais do empreendimento, atendendo a uma recomendação do Ministério Público do Estado (MP), em Cacoal. “A própria promotora ambiental, Dra.Valéria Canestrini, não pôde afirmar que essa usina traz prejuízos ao meio ambiente e/ou a saúde”, disse a prefeita, durante a visita.

Convencida sobre a segurança da tecnologia, a prefeita acrescentou: “hoje soubemos que o empreendimento não dispõe chorume (liquido derivado do lixo) no solo, portanto, não há risco de contaminação do lençol freático, e não lança poluente na atmosfera, como foi divulgado na mídia, na última semana”.


Tanto a prefeita, quanto as autoridades presentes na visita, ouviram de Marcelo Cruz, um dos diretores da usina, os ganhos que a empresa trará a Cacoal: “A importância da implantação desse empreendimento no distrito de Riozinho, vai além da criação de empregos que por si só já justificaria, mas assim que estiver operando irá reduzir o custo para o município em quase 50%, na destinação final dos resíduos sólidos, o que atualmente significaria em torno de R$ 100 mil, podendo, a diferença ser empregado em diversos programas do município, inclusive para localidade do Riozinho, tão carente de ações públicas ou mesmo diminuir o preço cobrado dos munícipes referente a taxa de lixo. Já o carvão resultado do processo, ira abastecer as cerâmicas existentes nas proximidades, diminuindo consideravelmente a dependência da madeira para abastecer as fornalhas, gerando a arrecadação de mais impostos para a cidade”.

Carvão

Atualmente a Europa, continente altamente rigoroso com questões ambientais, concentra a maior parte das usinas de tratamento térmico de resíduos sólidos do mundo. São cerca de 390, no total.

Quando inaugurada, a usina de carbonização de resíduos sólidos de Cacoal, será uma das primeiras do país em operação, pondo o município na vanguarda da tecnologia do tratamento de resíduos sólidos urbanos. Várias outras usinas usando esta mesma tecnologia, já estão em operação no país, mas apenas gerando carvão de materiais orgânicos, como madeira e cocos. “É um avanço que pode nos colocar em destaque em todo o país”, comemora o vereador Rogerinho (MDB).

Já o vereador Jabá Moreira, foi o único que se pôs contrário ao empreendimento. “Vão ter que me provar que isso funciona”, concluiu. O presidente da câmara de vereadores de Cacoal, Paulinho do Cinema, se posiciona com prudência, como ele próprio definiu: “Vamos ouvir o que dizem os técnicos, os conhecedores das questões ambientais, para definir nossa posição”.

Durante a visita à unidade, ficou marcada uma reunião com técnicos e engenheiros ambientais, para esclarecer todas as questões que envolvem o tema, marcada para a tarde do mesmo dia, 26 de junho.

Conceitos

Os equívocos que se deram na mídia local, na última semana, sobre o empreendimento, foi meramente conceitual. “Foi divulgado e debatido como incineração de lixo, o que não é o caso da usina instalada no Riozinho, que usa tecnologia de Pirólise/Carbonização com tambor rotativo, conceitos totalmente diferentes”, como explicou a engenheira ambiental, Karina Stre. “A pirólise/carbonização é o processo onde a matéria orgânica é decomposta após ser submetida a condições de altas temperaturas e ambiente desprovido de oxigênio, portanto sem fogo, obtendo como resultado o carvão, que poderá ser usado em fornalhas de secadores, cerâmicas, indústrias ou usinas termoelétricas”.

Enquanto na incineração há grande quantidade de cinzas para descarte, na Pirólise/carbonização, o material resultante do processo é o carvão. Havendo apenas 5% de sobras a serem descartadas, representando um ganho ambiental e econômico gigantesco”, finalizou a engenheira ambiental.


Madeirão

Da Redação

16/06/2018

Passaportes passaporte para a 20ª Expoac em Cacoal já estão Esgotados!

Calma! Quem não comprou passaporte para a 20ª Expoac não precisa se desesperar. Você ainda pode prestigiar esta Exposição Agropecuária que promete ficar na história, não apenas pelos seus grandes shows, mas por toda a estrutura que está sendo preparada para este ano.

De forma diferente do que ocorreu nos anos anteriores, neste ano a Associação Rural de Cacoal optou por limitar a venda de passaportes. Esta limitação ocorreu tanto em questão de quantidade quanto em período de venda, tendo o encerramento das vendas acontecido no último dia 31. A meta estabelecida pela associação para este ano foi facilmente ultrapassada. “Tínhamos uma meta de quantidade mínima de passaportes a serem vendidos, porém vendemos quase a totalidade dos passaportes confeccionados, ou seja, bem acima deste número mínimo estabelecido”, explicou o Presidente da ARCA, Jonas Goes.

Passaportes passaporte para a 20ª Expoac em Cacoal já estão Esgotados!

Mas quem não conseguiu garantir o passaporte ainda pode prestigiar o evento. Os ingressos individuais para os shows estão sendo comercializados nos mesmos pontos de venda onde antes eram encontrados os passaportes. Segundo o Presidente, “além dos ingressos inteiros, os pontos de venda também já estão comercializando as meias-entradas”.

Os ingressos para os shows do cantor Wesley Safadão (quarta-feira – 08/08) e da cantora Anitta (sexta-feira – 10/08), estão sendo vendidos a 90 reais cada, com meia-entrada a 45 reais. Já para o show da dupla Conrado e Aleksandro (sábado – 11/08) o ingresso custa 60 reais e a meia-entrada 30 reais.


Da Redação

Wilson Rocha Neto
DRT 1637/RO

Empresários de Rondônia participam da Fispal 2018

O Sebrae em Rondônia acompanhará gestores e proprietários de empresas para conhecer eventos de negócios, empresas e entidades em São Paulo, nas feiras Fispal Food Service, Fispal Sorvetes e Fispal Café. São eventos que apresentarão o que há de melhor e mais novo no segmento de alimentação fora do lar e serão realizados no mesmo espaço. Lá os participantes conhecerão as novas tendências e inovações para restaurantes, pizzarias, lanchonetes, churrascarias, bares, hotéis, padarias, docerias, sorveterias e cafeterias.

Empresários de Rondônia participam da Fispal 2018

O Sebrae está levando 80 empresários que conhecerão oportunidades para aquisição de máquinas e equipamentos, e poderão vender seus produtos em novas alternativas de mercado. Como acontece todos os anos, as empresas de agronegócio de Rondônia participarão, de 13 a 14 de junho, da maior feira de alimentação profissional da América Latina, com os maiores fornecedores de insumos voltados para o setor. São quatro missões – uma de Porto Velho, com 25 participantes, outra de Ji-Paraná, com 10, outra de Cacoal, com 22, e uma de Vilhena, com 23.

Empresários de Rondônia participam da Fispal 2018

Numa localização privilegiada, o Sebrae instalou um estande com a parte de pescado, em que haverá degustação para divulgar a qualidade e o sabor dos peixes produzidos em Rondônia. Na outra parte do espaço de exposições, os empresários do agronegócio apresentarão biscoitos, castanha do Brasil, torresmo, salgadinhos, queijos, café e polpas de frutas. A participação de cada empresário nessas missões custa R$ 1.400,00, com direito a passagem aérea, hospedagem, traslados e visitação à Fispal 2018.

Empresários de Rondônia participam da Fispal 2018

Se você é empresário de pequenos negócios, procure as missões acessando o site <sebrae.ro>. Conheça também a programação de eventos no município mais próximo de você em <sebrae.ro/agenda> ou envie mensagens de texto para nosso WhatsApp: (69) 98130-5656. Se preferir, ligue para a Central de Atendimento 0800 570 0800.


Da Redação

Cacoal NEWS

12 equipes se classificam para a 2ª fase da taça Padre Ezequiel Ramin

A Taça Padre Ezequiel Ramin de futebol rural, competição realizada pela Prefeitura de Cacoal, por meio da Autarquia Municipal de Esportes de Cacoal (AMEC), teve encerrada sua primeira fase de grupos no ultimo fim de semana (9 e 10). Com 24 equipes no inicio do campeonato, apenas 12 continuam em busca do tão sonhado titulo da competição.


Classificados por grupos:

Grupo A – 1º Corinthians (13), 2º Baianos (10)
Grupo B – 1º Flamengo (11), 2º Nova União (10)
Grupo C – 1º Barreiros (11), 2º Brasilzinho (10)
Grupo D – 1º Barcelona P. Surui (09), 2º Juventude “B” (06)
Grupo E – 1º Linha 21 (21), 2º Carajás/Palmeirinhas (13)
Grupo F – 1º Juventude “A” (06), 1º Barcelona (08) 

A segunda fase da competição será realizada com partidas de ida e volta com inicio neste sábado (16) a partir das 15h45. As equipes classificadas em 1º lugar dos seus respectivos grupos decidem a segunda partida em casa. Os confrontos da segunda fase são;

 Barcelona Linha 08 x Corinthians da Linha 13
Carajás/Palmeirinhas Linha 13 x Flamengo Linha 11
Juventude ”B” Linha 06 x Barreiros Linha 11
Brasilzinho Linha 10 x Barcelona P. Surui Linha 09
Nova União Linha 10 x Linha Vinte e Um Linha 21
Baianos Linha 10 x Juventude Linha 06

A Taça Padre Ezequiel Ramin de futebol é considerada a mais tradicional competição rural do município, sendo esta sua 17ª edição, tendo a equipe Corinthians da Linha 13 como atual e maior vencedora. A Prefeitura de Cacoal, por meio da Amec, convida a população de Cacoal para que continuem a prestigiar a competição.ptura criar paginas de sucesso gpages landing page landing page generator landingpage lead page o que é squeeze page o que é uma squeeze page pagina de captura paginas de captura squeeze page squeeze page maker squeezepage

AMEC
Cacoal NEWS

Inicia neste domingo o Campeonato Municipal de Futebol

Começa neste domingo (17) o Campeonato Municipal de Futebol, realizado pela Prefeitura de Cacoal, por meio da Autarquia Municipal de Esportes de Cacoal (AMEC), com quatro partidas.


Inicia neste domingo o Campeonato Municipal de Futebol

O campeonato Municipal terá abertura oficial no próximo dia 24 (domingo), no jogo entre Juventude da Linha 06 contra Riozinho/Pirâmide, a equipe da Linha 06 realizara a partida de abertura por ser a atual campeã, porém quatro partidas serão adiantadas já neste domingo (17) como adiantamento de rodada. Serão duas partidas validas pela categoria aspirante e outras duas pela categoria titular, com inicio às 8 horas e são elas.



Aspirantes:

São Vicente Linha 05 x Londrina – Campo do São Vicente na Lh-05
Cruzeiro Linha 06 x Real Madri – Campo da Sucam 

Titulares:

São Vicente Linha 05 x Londrina – Campo do São Vicente na Lh-05
Cruzeiro Linha 06 x Corinthians/N. Horizonte – Campo da Sucam

A competição conta com 30 equipes participantes, sendo 15 na categoria aspirante e 15 na categoria titular, divididas em quatro grupos.

Aspirantes:

Grupo A – Juventude (06), Luverdense, Village do Sol, Riozinho/Pirâmide.
Grupo B – Grêmio, Corinthians (13), Josino Brito, Laranjeiras (09).
Grupo C – São Vicente (05), Cruzeiro (06), Real Madri, Londrina.
Grupo D – Firmino E.C, Bandeirantes (07), Real Cacoalense.

Titulares:

Grupo A – Juventude (06), Luverdense, Village do Sol, Riozinho/Pirâmide.
Grupo B – Cruzeiro (10), Corinthians (13), Josino Brito, Laranjeiras (09).
Grupo C - São Vicente (05), Cruzeiro (06), Corinthians/N. Horizonte, Londrina.
Grupo D - Firmino E.C, Bandeirantes (07), Sports.

A organização da competição desde já convida toda a população de Cacoal para prestigiar o Campeonato Municipal de 2018, reiterando também o desejo de contar com sua presença na abertura oficial no dia 24 (domingo) a partir das 13h45 no campo do Centro Esportivo (Vila Olímpica).

AMEC
Da Redação

15/06/2018

Instale a Câmera do Google em seu dispositivo e obtenha a tecnologia HDR+ para suas fotos

E se bastasse um download para melhorar a qualidade das fotos em seu smartphone? Pois é exatamente isso o que este APK da câmera do Google promete: adicionar um excelente recurso HDR+ ao seu dispositivo. Infelizmente, você precisará de um modelo compatível, e a lista não é muito grande.

Foto tirada com Google Câmera instalada no Smartphone Mi Max 2



Para aproveitar o app, você deve ter um smartphone com um chipset Snapdragon 625, 820, 821 ou 835, o que inclui alguns dos dispositivos mais recentes como o OnePlus 5, Galaxy S8 e diversos modelos Xiaomi.

Foto tirada com Câmera Original dos Smartphone Mi Max 2 

Instale a Câmera do Google em seu dispositivo e obtenha a tecnologia HDR+ para suas fotos

Este Google Camera é o mesmo aplicativo que vem no Google Pixel, e aqueles que usaram um desses aparelhos ou têm acompanhado as amostras de imagens capturadas com eles, sabem da qualidade que oferece. Agora, qualquer um pode simplesmente baixar esse aplicativo em outro smartphone compatível, pois um desenvolvedor ucraniano nos deu acesso ao APK.


Foto tirada com Google Câmera instalada no Smartphone Mi Max 2

Instale a Câmera do Google em seu dispositivo e obtenha a tecnologia HDR+ para suas fotos

Você terá que liberar nas configurações do seu Android a permissão para instalação de aplicativos de fontes desconhecidas. Vale deixar claro que a instalação será por sua conta e risco. De qualquer forma, os membros do fórum XDA confirmam que o APK é seguro para download.

Foto tirada com Google Câmera instalada no Smartphone Mi Max 2

Instale a Câmera do Google em seu dispositivo e obtenha a tecnologia HDR+ para suas fotos

Usando o aplicativo da câmera com HDR+ selecionado, os usuários perceberão que ao capturar uma foto uma pequena notificação aparecerá na miniatura da galera, indicando que a imagem HDR está sendo processada. Isso levará apenas uma fração de tempo, e pronto!, a imagem apresentará uma boa diferença.O desenvolvedor que disponibilizou o APK afirma que não tem planos para acrescentar suporte a nenhum dispositivo específico, mas pretende fazer novas versões do app com diferentes modelos. Ou seja, se você não foi contemplado, pode vir novidade em breve.

Ele também diz que já tem pelo menos 5 versões diferentes do APK com algoritmos de processamento diferentes. Como ele explica, cada dispositivo trabalha de forma diferente com o HDR+, então cada usuário terá que descobrir qual aparelho produz os resultados que mais lhe agrade.

Se deseja experimentar, basta acessar o link abaixo.

Da Redação
Tudo Celular


Tags: google camera apk 2018, google camera play store, google camera uptodown, google camera android 7, google camera android 6, google camera arm, camera do google pixel, google camera hdr+ apk, pesquisas relacionadas a google cam, google camera apk 2018, google camera zenfone 3, google camera moto z play, google camera moto g5s.

13/06/2018

Vai começar o Campeonato Gigantão de Futsal de Cacoal

Começa nesta quinta (14) o Campeonato Gigantão de Futsal, realizada pela Prefeitura de Cacoal, por meio da Autarquia Municipal de Esportes de Cacoal (AMEC), a competição terá oito equipes participantes em busca do titulo. As equipes participantes são, Inviolável, Sub-20 Multicar, Cineart, Anderson Corretor/Imob. Zumack, Flesh Distribuidora, Boas Ervas E.C, Tozzo Bombas Injetoras e Farmácia Preço Baixo.

Vai começar o Campeonato Gigantão de Futsal de Cacoal

A programação de estréia terá uma partida amistosa entre os alunos de iniciação esportiva ao futsal do programa “Pensando no Amanha” contra os alunos do Instituto Educacional Soma (IES) às 19 horas. A partir das 19h30 acontecera a cerimônia oficial de abertura e já na sequencia as 19h45 a bola rola com o jogo entre Inviolável contra Farmácia Preço Baixo, na sequencia jogam Anderson Corretor/ Imob. Zumack contra Flesh Distribuidora. Os jogos da competição serão realizados no Ginásio Capitão Rui Luiz Teixeira durante as terças e quintas no período da noite. Após o sorteio, os grupos ficaram definidos assim.

A competição terá premiação em dinheiro para os três primeiros lugares, sendo 4.000,00 reais para a equipe campeã, 1.200,00 reais para a vice-campeã e de 800,00 para o terceiro colocado. Desde já a organização convida a população de Cacoal para prestigiar esse grande evento que é o Campeonato Gigantão de Futsal 2018.


AMEC
Da Redação

Parcerias celebradas por empresários de Rondônia na Fispal 2018

Com apoio do Sebrae, empreendedores aproveitam oportunidade

Iniciada no dia 12 e com término previsto para o dia 15 de junho, as feiras Fispal Food Service, Fispal Sorvetes e Fispal Café, realizadas num dos pavilhões do Expo Center Norte, em São Paulo, têm possibilitado importantes parcerias para os 80 empreendedores que participam da missão empresarial (sebrae.ro/missao) do Sebrae e para os 07 expositores no stand do Sebrae Rondônia na feira.

Parcerias celebradas por empresários de Rondônia na Fispal 2018

Os produtos rondonienses que se apresentam no evento, em busca de novas oportunidades de negócios são: peixe, biscoitos, castanha do Brasil, torresmo, queijos, café e polpas de frutas, reafirmando a atuação do Agronegócio no estado, que acaba de realizar seu mais importante evento do setor, a Rondônia Rural Show, em Ji-Paraná, no último mês, mostrando a força do setor produtivo.

Parcerias celebradas por empresários de Rondônia na Fispal 2018

Já no primeiro dia da feira, Celso Tadeu da empresa Zaltana Pescados que comercializa três tipos de peixe, o tambaqui, pirarucu e pintado fresco ou congelado, prospectou 02 parcerias que poderão gerar "bons negócios.  O que nos oportuniza a ganhar mais mercado e levará nossos produtos além da fronteira rondoniense. Participar deste stand do Sebrae é uma grande oportunidade, pois ajuda na divulgação onde se explica sobre os produtos para os visitantes na feira ".

Segundo Rogério Gonçalves, representante do Café Nova Era, a feira "possibilita mostrar para diversos compradores de negócios da alimentação os produtos. Ontem mesmo já comecei uma importante parceria".

Parcerias celebradas por empresários de Rondônia na Fispal 2018

Saiba mais sobre o assunto em sebrae.ro. Conheça também a programação de eventos no município mais próximo de você em sebrae.ro/agenda ou envie mensagens de texto para nosso WhatsApp: (69) 98130-5656

Você pode ligar para a Central de Atendimento 0800 570 0800. Não deixe de acompanhar o perfil Sebrae RO no Facebook, Instagram, YouTube, Linked In e Twitter.


Da Redação

Cacoal NEWS

Moove Car já chegou! Motoristas de Cacoal e Ji-Paraná! Ganhe dinheiro dirigindo na sua cidade! Cadastre-se hoje mesmo!

Dois toques

Escolha a viagem e o local de partida. Você verá a foto do seu motorista e as informações do veículo, além de poder acompanhar a chegada no mapa. Curta a Página no Facebook

O Moove Car é um Aplicativo de Mobilidade Urbana que utiliza uma TECNOLOGIA mais simples e facilita serviços de grande necessidade no nosso dia a dia. Além disso, é uma plataforma que usa carros para transporte.

Disponibilidade em todas as horas

O Moove Car trabalha incansavelmente para lhe atender a qualquer hora, do dia ou da noite, e proporcionar a melhor experiência, fazendo de cada corrida uma aventura inesquecível.



Seu Feedback direciona nossas melhorias

Faça a avaliação do seu motorista e dê feedback sobre a viagem conosco. Sua contribuição nos ajuda melhorar sempre, buscando sempre ser uma empresa 5 estrelas e proporcionar a melhor experiência possível.

Clique aqui para se cadastrar como MOTORISTA
Instruções para cadastro como MOTORISTA aqui

Viagens a trabalho? Moove Car Corporativo

Chega de papéis e recibos. Com o plano corporativo você e sua empresa tem controle e transparência sobre os custos. Contrate um plano corporativo e tenha um motorista disponível, sem vínculo empregatício ou encargos trabalhistas.

Moove Car já chegou! Motoristas de Cacoal e Ji-Paraná! Ganhe dinheiro dirigindo na sua cidade! Cadastre-se hoje mesmo!

Mais opções para você

O Moove Car é a única plataforma de mobilidade que oferece opções de transporte a seus usuário sob medida para o seu bolso ou preferência.

Moove Car já chegou! Motoristas de Cacoal e Ji-Paraná! Ganhe dinheiro dirigindo na sua cidade! Cadastre-se hoje mesmo!

Sem tarifa dinâmica

Seja em dias comuns ou feriados. Início ou final de semana. Não importa. Na Moove Car, nossas tarifas são fixas e não mudam. Você sabe quanto vai pagar antes mesmo de chamar um prestador, através da nossa estimativa de corrida

Saiba mais sobre o aplicativo

Dirija na sua Cidade

Os motoristas parceiros possuem um aplicativo exclusivo para cadastro, envio de documentação e acompanhamento de rendimentos. Quando quiser ganhar dinheiro, basta entrar no app para receber as solicitações de corrida. Você receberá as informações do usuário, localização atual e destino desejado

Ganhe mais em qualquer lugar

No Moove Car não tem tarifa dinâmica, mas a demanda é crescente. Fique ativo em períodos com menos oferta, receba mais chamadas e fature mais.

Da Redação
Cacoal NEWS

Responsive Full Width Ad

Copyright © 2018 Cacoal NEWS | Du Pessoa Serviços Digitais (73) 9 8888 1488
Cacoal_NEWS