Menu Right

Top Social Icons

Responsive Full Width Ad

25/04/2018

Grupo de indígenas bloqueia rodovia federal e cobra pedágio em cidade próxima a Vilhena

Dinheiro arrecadado seria para custear viagem a Brasília

Um grupo de indígenas da etnia Nambiquara está bloqueando, desde a ontem (segunda-feira, 23) um trecho da BR 364, entre as cidades de Sapezal e Campos de Júlio (MT). A manifestação acontece a cerca de 10 km de Comodoro, município do Mato Grosso que fica a 110 km de Vilhena.


Segundo uma internauta que passou pelo local e fotografou os Nambiquara, eles instalaram um pedágio na rodovia federal, onde cobram taxas de R$ 25 dos condutores de carros de passeio e R$ 50 de quem trafega de caminhão por aquele trecho.


O Folha do Sul On Line conversou por telefone com uma servidora da Funai, que explicou a razão do protesto indígena: “Desde 2010, eles estão pedindo para receber atendimento de saúde no Mato Grosso, e não em Rondônia”.


Segundo a entrevistada, o bloqueio prossegue hoje e a eventual cobrança do pedágio serviria para custear a viagem de uma caravana até a Secretaria de Saúde Indígena (Sesai), em Brasília. O objetivo da viagem é resolver a questão do atendimento médico.


Segundo a Funai, os índios iniciam a manifestação às 17:00h da manhã e suspendem a ação no final da tarde. A cobrança tem causado irritação aos motoristas que usam a rodovia.


Da Redação
Cacoal NEWS

Responsive Full Width Ad

Copyright © 2018 Cacoal NEWS - Notícias de Cacoal e Região | Du Pessoa Serviços Digitais (73) 9 8888 1488
Cacoal_NEWS