Na Mídia

Oi, o que você está procurando?

Trânsito

Privatização da BR-364: ANTT aprova relatório de projeto para concessão da principal rodovia de RO

privatizacao-da-br-364:-antt-aprova-relatorio-de-projeto-para-concessao-da-principal-rodovia-de-ro

O relatório do projeto para concessão da BR-364 em Rondônia foi aprovado nesta quinta-feira (8) pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), em uma reunião em Brasília (DF). Os estudos sobre a concessão da BR-364 são feitos desde o ano passado, em um investimento previsto em R$ 5,4 bilhões.

No projeto aprovado pela diretoria está previsto a concessão de 686,7 km da BR-364 no estado, abrangendo trechos de Guaporé, Cocal, Ouro Preto do Oeste e Porto Velho.

A ANTT aprovou no projeto uma melhorias e ampliações da principal rodovia do estado, incluindo:

  • 113,7 km de duplicações
  • 200 km de faixas adicionais
  • um contorno em Ji-Paraná (RO)
  • e uma via de acesso ao Porto Novo, conhecida como “Expresso Porto”, totalizando 34,4 km de novas vias.

Segundo a Agência, a via de acesso ao Porto Novo busca “proporcionar acesso viário de qualidade ao porto e impulsionar o crescimento de Porto Velho e todo o estado”.

Próximos passos

Com a aprovação do relatório, o próximo passo da ANTT é encaminhar o projeto para análise do Ministério dos Transportes. Isso deve acontecer na semana que vem, após o carnaval.

Depois do Ministério dos Transportes, o projeto vai passar por avaliação do Tribunal de Contas da União (TCU).

O projeto de concessão da BR-364 está no lote chamado Centro Norte 5 (CN5). São previstos R$ 5,4 bilhões de investimentos em 30 anos.

De acordo com o Ministério dos Transportes, os investimentos em logística devem proporcionar comodidade à população, além de agilizar o transporte da produção estadual e promover a conexão com diferentes regiões do Brasil, explica.

Publicidade: Deslize a página para continuar lendo.

A BR-364 é uma das principais rotas brasileiras de ligação interestadual. Atualmente o estudo que aponta a viabilidade da privatização e duplicação nos trechos entre Porto Velho (RO) e Comodoro (MT).

A duplicação será priorizada nos trechos de maior tráfego, mais próximos das cidades e com maiores riscos de acidentes.

Em Rondônia, Ministro dos Transportes libera estudo de projeto da duplicação da BR-364

Aviso Legal: Comentários e Opiniões

Os comentários e opiniões dos usuários são de responsabilidade exclusiva de seus autores. O Grupo Cacoal NEWS não endossa nem se responsabiliza por qualquer conteúdo expresso nos comentários, e reserva-se o direito de remover, modificar ou não aprovar comentários que violem nossas políticas editoriais ou que possam ser considerados inadequados.

Postar Comentário

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VEJA TAMBÉM

Economia

O vice-presidente da República e ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços, Geraldo Alckmin, disse que o governo está comprometido com o arcabouço fiscal...

Economia

A autonomia orçamentária do Banco Central (BC), prevista na Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 65/2023 que tramita no Senado, promove uma espécie de...

Economia

Cinco jovens brasileiros escolhidos em um processo seletivo vão representar o Brasil nas trocas de experiência, discussões e construção das propostas que serão apresentadas...

Economia

Gerar produtos e serviços que sejam aliados à conservação e regeneração da biodiversidade é o princípio da bioeconomia, um modelo econômico que ganha cada...

Publicidade